Patronato Penitenciário de Pernambuco ficará sem recolher assinatura até julho

0
Foto: divulgação

Por conta da pandemia de Covid-19, o recolhimento das assinaturas dos apenados em regime aberto e livramento condicional continuará suspenso até 31 de julho deste ano, conforme ato publicado no Diário Oficial do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), nesta terça-feira (9). Os reeducandos acompanhados pelo Patronato Penitenciário – órgão de execução penal da Secretaria de Justiça e Direitos Humanos (SJDH) – não terão prejuízos, e as atividades deverão ser retomadas a partir do dia 2 de agosto.

O órgão conta com núcleos de atendimento nas cidades de Recife, Caruaru e Petrolina. Para mais informações, são disponibilizados e-mail (penal.patronato@sjdh.pe.gov.br); telefone, (81) 3182-7678; WhatsApp no Recife e RMR, (81) 9 8572-0275; para região de Caruaru, (81) 9 9488-2315; e Petrolina, (87) 9 9201-5782.

O Patronato Penitenciário é responsável por acompanhar os egressos, prestar assistência psicossocial e fomentar a ressocialização viabilizando cursos e vagas de trabalho. Atualmente, 12.912 reeducandos são acompanhados pela entidade. Encontram-se no mercado de trabalho 1.266 reeducandos, tendo 220 das vagas para as mulheres e 1.046 para os homens.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome

quatro × cinco =