Para proteger idosos do novo coronavírus, Prefeitura de Petrolina muda estratégia de vacinação contra gripe

0
Foto: Ascom PMP/divulgação

Para preservar a saúde dos idosos, um dos grupos de risco do novo coronavírus (Covid-19), a Prefeitura de Petrolina adotou nova estratégia em relação à campanha nacional de vacinação contra a gripe no município. A partir desta terça-feira (31) os idosos – um dos públicos-alvo desta primeira fase da ação – vai acontecer em algumas escolas da rede municipal. A medida, que só será possível graças à suspensão das aulas, é para evitar a exposição dos idosos a pessoas com síndromes gripais que buscarão atendimento.

Apenas quatro postos de saúde farão a vacinação, além das escolas. O funcionamento será das 14h às 17h. É importante destacar que as pessoas que não fazem parte do grupo prioritário dessa primeira fase – idosos acima de 60 anos e profissionais de saúde – não poderão ser imunizados neste momento.

Para os idosos acamados, as equipes de Saúde da Família entrarão em contato para agendar a vacinação em domicílio, que também já começa amanhã e será priorizada. A prefeitura frisa também  que a vacina contra a gripe não protege contra o novo coronavírus, mas é aliada porque ajuda no diagnóstico, descartando casos de gripes e chamando a atenção dos profissionais de saúde para investigar infecção pelo Covid-19.

Outras etapas

A primeira etapa de vacinação, que começou no dia 23 de março, prossegue até 15 de abril. Na segunda etapa, a partir de 16 de abril, serão vacinados professores, pessoas com doenças crônicas e funcionários das forças de segurança. A última fase, com início em 9 de maio, é voltada para gestantes e mulheres que tiveram filhos há menos de 45 dias; crianças de seis meses a 6 anos; pessoas com idade entre 55 a 59 anos; índios e trabalhadores do sistema prisional. A lista completa dos locais pode ser acessada no link disponibilizado pelo Blog.

Atualizada às 14h30

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome