Para conter avanço do novo coronavírus, Prefeitura de Bodocó implanta barreiras nos principais acessos à cidade

1
Foto: Ascom PMB/divulgação

A Secretaria de Saúde de Bodocó (PE), no Sertão do Araripe, implantou barreiras sanitárias fixas nas principais entradas da cidade nesta quinta-feira (21). A ação integra as medidas de segurança e enfrentamento à pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

Equipes da pasta estão realizado as seguintes atividades:

▪︎ Identificação do fluxo de visitantes e sua origem;

▪︎Orientações sobre o combate à Covid-19;

▪︎ Monitoramento do uso de máscaras;

▪︎ Avaliação clínica de condutores e passageiros;

▪︎ Referenciamento de casos suspeitos ou com algum agravante;

▪︎Direcionamento das pessoas recém chegadas ao município para acompanhamento da Equipe Sentinela;

▪︎ E restrição de acesso ao município para os visitantes que não se adequam nas orientações relacionadas das leis vigentes.

O período de atuação desta fase seguirá até o próximo dia 5 de junho, podendo ser prorrogado. A ação é executada pela Vigilância em Saúde e conta com o apoio de servidores das demais secretarias municipais.

Casos

De acordo com a atualização do último boletim epidemiológico, Bodocó contabiliza até o momento 15 casos notificados. são seis casos confirmados (nos quais cinco pacientes já estão recuperados); cinco em investigação e quatro descartados.

1 COMENTÁRIO

  1. bando de abestados, o CORONAVÍRUS é insegurável, ninguem consegue detê-lo, quer queiramos quer não, no mínimo cerca de 70% da população será infectada com o vírus, se vai desenvolver a doença é outra coisa, se vai pegar o metrô é outra coisa. Qualquer um que saia para ir ao Supermercado pode levar o vírus para dentro de casa e aí infectar os outros da família. Pegou em dinheiro, pode pegar o vírus, pegou no saco plástico do supermercado pode alí está o vírus e levar para dentro de casa. O uso de máscara só tem alguma utilidade quando você está num aglomerado, com outras pessoa, fora disso o uso da máscara é maléfico, pois ela retorna o gás carbônico que você expele pela boca e o retorna pelo nariz para dentro dos seus pulmões, e isso é muito maléfico. O tamanho do vírus é mil vezes menor do que o diâmetro de um fio de cabelo, logo ninguém o vê, mas ele taí. O tão falado isolamento social só teria alguma efetividade da classe média para a alta, porque essas classes tem sempre a geladeira cheia, pode ter um quarto para cada filho, o pobre, dorme seis num só quarto, então é impossível isso de isolamento social, é conversa pra boi dormir, na verdade, na verdade, tudo isso não passa de uma tremenda trama para desestabilizar os governos democráticos, governos onde se valorizam as famílias, onde se valorizam as religiões, os princípio conservadores da sociedade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome