Outra construtora pode sair da transposição do São Franciso

por Carlos Britto // 07 de fevereiro de 2009 às 19:00

Em meio ao esforço dos ministros Geddel Vieira Lima (Integração Nacional) e Dilma Rousseff (Casa Civil) para acelerar as obras da transposição do rio São Francisco, a Encalso Construções ainda não decidiu se vai assinar contrato para construir um dos trechos do projeto. Se houver desistência, a empresa seria a quarta empreiteira a abandonar o projeto desde novembro. A Encalso venceu licitações para tocar 4 dos 14 lotes da transposição. Cada lote corresponde a um trecho onde estão previstas construções de canais para transportar água, reservatórios e estações de bombeamento. A indecisão da Encalso se refere ao lote 5, com obras no valor de R$ 161.880.397,88, que serão tocadas pelo consórcio Encalso/Convap/Arvek/Record. O resultado da licitação foi publicado no Diário Oficial da União em julho de 2008, mas o contrato ainda é negociado, segundo a assessoria da empresa.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *