Odacy Amorim defende Luciano Duque como vice na chapa do PSB

por Carlos Britto // 23 de novembro de 2021 às 15:30

Foto: Carlos Britto

Correndo trecho para articular sua caminhada política rumo às eleições 2022, o ex-prefeito de Petrolina, Odacy Amorim (PT), defende que as representações do Sertão de Pernambuco cheguem em peso nas urnas, inclusive compondo a chapa para o governo do Estado, seja na ponta ou como vice, junto com o PSB.

Para compor a vaga de vice, Odacy declarou, durante entrevista ao programa Painel 100,7, nesta terça-feira (23), que o nome mais apropriado é o do prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque (PT), do Sertão Pajeú. “Defendo um nome do Interior. Acho Duque um nome viável para um projeto deste. Se o PT colocar alguém da Região Metropolitana, não sei se o eleitor do Interior vai acompanhar isso. O PT não pode ficar apenas mandando recado para o Sertão, precisa ter representatividade. É isso que o eleitor espera”, destacou.

Já para compor a cabeça de chapa, Odacy afirmou que o PT não fará prévias, uma vez que já existe um entendimento dentro do grupo entre a deputada federal Marília Arraes e o senador Humberto Costa. “Tanto Marília quanto Humberto estão maduros quanto a isso, eles estão preparados para um entendimento, e também acredito que o PSB trabalha no mesmo pensamento”, afirmou.

Assembleia Legislativa

Já para disputar uma cadeira na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), o petista acredita que será preciso uma articulação entre a ex-vereadora Cristina Costa e o vereador Gilmar Santos, que já é pré-candidato.

Seria muita petulância da minha parte pedir que eles não saiam candidatos por conta da reeleição da deputada Dulci, mas acredito que é preciso diálogo”, disse, confiante de que o Partido dos Trabalhadores poderá eleger até cinco nomes do Interior de Pernambuco para federal e estadual.

Odacy Amorim defende Luciano Duque como vice na chapa do PSB

  1. fabricia granja disse:

    Qual é a importância da opinião de odacy???É uma pessoa políticamente morta.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *