‘O Vale Acordou’ faz nova reunião neste sábado

10

Reunião Vale Acordou 1O Movimento “O Vale Acordou” realizará amanhã (6) mais uma reunião que poderá definir a data da quarta manifestação do grupo. Desta vez, o encontro acontecerá em Juazeiro, na Praça da Bandeira, a partir das 15h.

Assim como nas reuniões anteriores, os participantes deverão discutir os resultados da última manifestação, novas pautas para o movimento, além de definir as estratégias para o próximo protesto.

Qualquer pessoa poderá participar do encontro. A última manifestação organizada pelo grupo aconteceu na quarta-feira (3) e alguns atos de violência foram registrados na Ilha do Fogo. Entre as reivindicações, o ‘Vale Acordou’ pede a liberação do local e melhorias no transporte público de Petrolina e Juazeiro.

10 COMENTÁRIOS

  1. O povo na rua é a maior demonstração do atual estado democrático de direito que vivencia o país. A problemática está na inefetividade surgida dos protestos anteriores, nada foi conseguido em nossa cidade. A frustração acaba dispersando os militantes e tornando os protestos cada vez mais rasos…
    Não se pode esmorecer, lembremos das palavras de um importante pensador jurídico (Von Ihering): a paz é o fim que o direito tem em vista, a LUTA é o meio que serve para o conseguir. Nada vem de graça!

  2. Parabéns vcs estudantes pela garra,não liguem para comentários de gente acomodadas que se acostumaram a ser roubadas pelos politicos e acha isso normal, NÃO A corrupção., e FORA esse prefeito rizadinha (Julio Lossio).

  3. por favor busque conhecer a planilha que faz a tarifa subir, desculta isso em reunião, e vão pra rua com a solução do problema ou uma sugestão coerente, se é passe livre que vocês querem, lute por esse objetivo, notifique em documento o que vocês querem, lute pelo o conselho de transito pois esse conselho já existe só precisa atua, monte comissão de representação para mostra isso, não adianta ir as rua varias vezes e não ter uma razão fundamental redigido e documentado,
    vocês estão de parabéns, por saber mover massa, ainda precisa disso, ação ta ótima, mas tem que ter a teoria, pois tem momento que não é só no grito, isso um dia cansa, e pode virar outra coisa, desculpas é minha opinião.

  4. As manifestações são uma demonstração do poder que a sociedade organizada tem. Todos os cidadãos com consciência cívica só podem apoiar e fortalecer a democracia em nosso país. Em nível nacional elas conseguiram despertar os governos, o Congresso. No entanto, em nossa região o Movimento o Vale Acordou precisa se fortalecer e focar algumas bandeiras de luta, algumas reinvindicações relevante, apresentando demandas para o poder executivo e legislativo. O Vale acordou, mas os gestores locais e os legisladores municipais ainda estão indiferentes às manifestações.

  5. Eles já tem o que fazer Luana, estão batalhando para mudar esse país para que OS SEUS filhos possam viver num país melhor, apesar de você além de não contribuir, ser contra.

  6. Caros manifestantes ocupem a prefeitura e câmara de vereadores, mas não interditem a ponte, dessa forma os senhores só conseguirão a antipatia da população. É na prefeitura e na câmara onde os políticos trabalharam (enganam o povo) e não na ponte, onde passam os trabalhadores.

    • Pedrão, não discordo da possibilidade de manifestação e concordo com você para irem protestar onde estão as pessoas que devem ouvir os gritos de ordem, não na ponte onde passam os trabalhadores. Não aguento mais interditarem a ponte por qualquer manifestação. Atrapalhar os trabalhadores não resolve nenhum problema, só causam problemas a quem não tem poder de decisão, mas apenas precisa cumprir horários e bater o seu ponto na hora certa. Concordo com o protesto, mas sem baderna, sem esconder o rosto, sem vandalismo, sem atrapalhar a vida dos outros.

      Sheldom Cooper.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome