O centenário de ‘O Pharol’ e a Secretaria de Cultura de Petrolina

3

o pharolUm dos precursores da comunicação no Vale do São Francisco completou um centenário de sua fundação, no último dia 10 de setembro. Trata-se de ‘O Pharol’, periódico idealizado pelo jornalista João Ferreira Gomes, que circulou em Petrolina até meados da década de 80. Figura das mais queridas, ele acabou se tornando conhecido na cidade por ‘Seu Joãozinho do Pharol’.

Pois é. Uma data tão importante para a memória cultural petrolinense simplesmente passou desapercebida pela Prefeitura de Petrolina. Não deveria, mas passou.

O fato deixou um leitor deste Blog tão indignado, que a única frase proferida por ele, em relação ao deslize, foi este: “Nem parece que temos uma Secretaria de Cultura”. Seu Joãozinho não merecia esse esquecimento. Sem comentários.

3 COMENTÁRIOS

  1. Olá Carlos Brito, gostaria que se possível fizesse uma matéria sobre acontecimentos que vem se mantendo em Remanso, tais como: as mentiras dos gestores municipais para com a população, nepotismo. como o exemplo da matéria do link abaixo:
    http://angicodosdias2014.blogspot.com.br/2015/09/prefeitura-de-remanso-tambem-exemplo-de.html?spref=fb

    o atual prefeito, anuncia aos quatros ventos; seja por meio da internet, rádio e outros meios, que o gestor do SAAE é o tal antonio, e o tal se diz diretor, mas o que vemos no site do TCM é que uma mulher que é a diretora do SAAE, onde a mesma é cunhada dele, por favor nos ajude a informar a população das contradições. Na matéria do link você encontra as informações de maneiras mais claras.
    Desde já agradeço, no aguardo um parecer favorável.
    att, Caio Sousa.

  2. Lamentável. Além de ter sido esquecido o centenário D’Pharol, até hoje a Secretaria de Cultura não fez um projeto sério de salvar os exemplares que ainda existem. Deveria a prefeitura digitalizar todos os que estão no Museu do Sertão, bem como aqueles que estão em posse de particulares, que com certeza cederiam-os para esse fim. É muita falta de compromisso com a história de Petrolina. Acho que o blog deveria cobrar um posicionamento do Secretário, que acho que nem cidadão petrolinense é, pois nem aqui reside.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome