No bairro Cohab Massangano, moradora sofre tentativa de estupro e reclama de prédio abandonado

3
Foto: Reprodução

Uma moradora do bairro Cohab Massangano, zona oeste de Petrolina, denunciou uma tentativa de estupro e solicitou mais policiamento no bairro. Segundo a ela, um prédio abandonado onde funcionava a Diretoria de Polícia Integrada do Interior II (Dinter II) está servindo de abrigo para várias pessoas que vivem em situação de rua.

A vítima relata que foi seguida por homem até sua casa que estava no prédio abandonado e só saiu do local com a chegada da polícia. “Estava voltando da faculdade por volta das 21h45min, passei por ele na feira da Cohab Massangano, ele então passou a me seguir até em casa. Ao perceber corri e entrei em casa, ele ficou lá em baixo falando as mesma coisas dos outros dias e se masturbando. Ele passou cerca de 50 minutos em frente ao prédio, forçando o portão tentando entrar”, relata.

Depois do ocorrido, o homem foi detido e a vítima registou um Boletim de Ocorrência (BO) na Delegacia do Ouro Preto. Depois de prestar depoimento, o acusado foi liberado. Na denúncia a vítima reforça o apelo afirmando que o local é deserto gerando insegurança para a população que necessitam trafegar pela região, principalmente à noite.

O prédio abandonado

A Secretaria de Defesa Social (SDS) de Pernambuco, já manifestou intenção de devolver o prédio ao município, desde o mês de setembro inclusive, o presidente da Cubape Pedro Caldas solicitou à prefeitura que no local seja implantada a sede própria do Centro de Valorização à Vida (CVV), que vêm sendo reivindicada pelos seus integrantes.

3 COMENTÁRIOS

  1. Um absurdo esse prédio abandonado. Sabe-se lá o que acontece ali dentro. Certamente ponto de consumo de drogas e outras tantas coisas erradas que se podem fazer por ali. Admiro a coragem de quem passa por ali a pé. De moto eu já passo voado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome