Neoenergia remove 1,5 tonelada de cabos e equipamentos irregulares em Petrolina

por Carlos Britto // 19 de março de 2024 às 06:40

Foto: Ascom / Neoenergia

A Neoenergia Pernambuco realizou uma ação em Petrolina, entre os dias 5 e 15 de março, resultando na remoção de mais de 1,5 tonelada de cabos e equipamentos de telecomunicações irregulares de 93 postes, com o objetivo de reordenar a rede.

De acordo com a empresa, a remoção dos cabos e equipamento irregulares não apenas melhora a qualidade do fornecimento de energia para a população, mas também aumenta a segurança, reduzindo o risco de incêndios na rede de distribuição de energia elétrica.

“Este trabalho de retirada de cabos e equipamentos fora do padrão ou instalados sem a permissão da concessionária é constante. Todos os dias estamos em algum local para organizar a rede e eliminar os riscos causados pelas empresas clandestinas ou mesmo pelas autorizadas, mas que estão com os cabos fora dos padrões normativos e de segurança exigidos pelo setor”, afirma o Supervisor de Operações da Neoenergia Pernambuco, Weudo Monteiro.

A Neoenergia Pernambuco busca garantir que o compartilhamento de postes com empresas de telecomunicações, conforme exigido pelas resoluções conjuntas 001/1999 da Aneel, Anatel e ANP e resolução Aneel 1.044/2022, seja feito de forma segura. Para isso, as empresas de telecomunicações devem apresentar um projeto à distribuidora antes de instalar suas redes.

Responsabilidade

A manutenção dos fios de telefonia e internet é responsabilidade das operadoras. A Neoenergia Pernambuco atua para garantir a segurança das pessoas e do sistema elétrico. A empresa remove a fiação quando a operadora atua clandestinamente ou quando a operadora, que possui contrato com a distribuidora, não realiza a manutenção adequada, deixando os cabos em situação de risco para a população.

Regularização

A distribuidora criou um canal de atendimento direto para que as prestadoras possam regularizar suas operações, através do e-mail compartilhamento.infra@neoenergia.com.

Relembre o caso

No dia 13 de março, o Blog publicou a insatisfação dos moradores e comerciantes locais com a interrupções abruptas nos serviços de internet. A Neoenergia explicou em nota que estava removendo os cabos e equipamentos das operadoras que não se encontravam devidamente identificados ou regulares, buscando o reordenamento da rede na Avenida da Integração, no bairro Maria Auxiliadora. A distribuidora afirmou que as empresas foram avisadas com 30 dias de antecedência para regularização.

O Blog deixou o espaço aberto para que as empresas de telefonia e internet se manifestassem, mas não houve contato.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Últimos Comentários

  1. Ciclo da extorsão isso sim, bebidas superfaturadas, espaços superfaturados, atrações superfaturadas, até o estacionamento custa os olhos da cara, numa…