Ministério da Integração libera R$ 1,5 milhão para Casa Nova por causa das chuvas

por Carlos Britto // 04 de junho de 2009 às 11:00

Quinze municípios baianos em situação de emergência por causa das chuvas vão receber recursos do Ministério da Integração Nacional. Casa Nova foi o único município da região norte do estado a receber os recursos.

Cerca de R$ 90 milhões foram liberados. Entre as cidades beneficiadas estão Salvador, que vai receber R$ 49 milhões, Lauro de Freitas, com R$ 6 milhões, e Casa Nova, R$ 1,5 milhão.

No último dia 28 de maio, o secretário de Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza, Valmir Assunção, e o coordenador estadual de Defesa Civil, Antônio Rodrigues, se reuniram com o ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima, para discutir os planos de trabalho relativos à recuperação dos municípios.

Ficou acordado que a Coordenação Estadual de Defesa Civil (Cordec) acompanhará a execução das ações de cada município.

Informações do Correio

Ministério da Integração libera R$ 1,5 milhão para Casa Nova por causa das chuvas

  1. Gildo Santana disse:

    Ano que vem tem eleição para governador e o ministro Geddel tem muito “interesse” em ajudar os mais sofridos e carentes. Tão bonzinho esse ministro…

  2. Antonio Souza disse:

    O pior é saber que mais da metade deste dinheiro não vai ajudar em nada os menos favorecidos. Fica na mão dos corruptos, e em Casa Nova com esta administração, que já a mais de seis meses recebeu mais de 3 milhoes de Reais e não fez absolutamente nada, mas as notas fiscais sempre aparecem. Que vergonha !! Essa turma dessa administração não engana ninguém,são velhos usurpadores do dinheiro publico municipal.

  3. Antonio Souza disse:

    3 milhoes de reais, apenas em Royaltes da Chesf, dinheiro livre para investimento em infra estrutura, e nada , absolutamente nada faz.

  4. sofredo disse:

    vamos recopera a estrada qr liga petrolina via tapera que sai em sobradinho só tem qcinco quilometro de estada de chão

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *