Miguel Coelho organiza lançamento da pré-candidatura ao Governo de Pernambuco

por Carlos Britto // 05 de setembro de 2021 às 08:00

Foto: Reprodução

O prefeito de Petrolina, Miguel Coelho, reuniu-se com o presidente do partido Democratas, ex-ministro Mendonça Filho, e com a presidente do DEM no Recife e deputada estadual, Priscila Krause, para discutir o cenário político e os preparativos do evento de filiação e a oficialização da sua pré-candidatura ao Governo do Estado, no próximo dia 25.

Miguel está com muita disposição e chega como pré-candidato ao Governo respeitando os demais nomes de oposição e focado no projeto de unidade para mudar os rumos de Pernambuco”, afirmou Mendonça, destacando que o evento será bem prestigiado e o grande fato político de 2021.

Na reunião, na qual foi apresentada parte da equipe do diretório estadual do Democratas, Miguel Coelho reforçou o compromisso de fortalecer o partido e de iniciar um ciclo de debates pelo Estado. “Estou sendo muito bem recebido no DEM. Conversei com Mendonça e Priscila sobre a urgência de apresentar alternativas na oposição para mudar Pernambuco. Junto com a experiência e preparo de Mendonça e Priscila, creio que poderemos discutir a realidade de Pernambuco em cada região oferecendo um projeto de futuro consistente e que alimente a esperança nos pernambucanos”, comentou Miguel, após o encontro.

Priscila Krause reforçou a importância do projeto de unidade dos campos de oposição para mudar os rumos de Pernambuco. “A chegada do prefeito Miguel Coelho ao Democratas fortalece o diálogo e a busca pela construção da unidade da oposição. Ele tem feito uma gestão de sucesso e aprovada em Petrolina. Tem muito a contribuir na construção de um projeto de futuro para Pernambuco e no processo de mudança que acontecerá em 2022”, afirmou.

Miguel Coelho organiza lançamento da pré-candidatura ao Governo de Pernambuco

  1. Sílvio Clementino da Cruz disse:

    Estamos com Miguel em 22 para Pernambuco voltar ao crescimento com oportunidade para todos os pernambucanos do sertão ao cais.

  2. Francisco disse:

    Continuo quarentando. Petrolina não é Pernambuco. O que ocorre em Petrolina é algo eminentemente passageiro. Aguardem e verão.

  3. Maia disse:

    Coelho já foi bom, tempo dos saudosos Osvaldo, Geraldo, Agusto e não esquecendo Nilo Coelho.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *