Manifestantes promovem destruição ao prédio do MEC e ministro Mendonça Filho reprova atitude: “Inaceitável”

6

manisfestantes-mec

Um grupo formado de 50 a 100 pessoas, algumas encapuzadas, praticou vários atos de vandalismo contra o prédio do Ministério da Educação (MEC). Os manifestantes tocaram fogo em pneus e no lixo tóxico, quebraram as entradas de acesso ao Ministério, além de caixas eletrônicos e câmeras de segurança com barras de ferro e pedras. Segundo a Polícia Militar (PM), alguns dos envolvidos usavam coquetel molotov.

Eles subiram até o segundo andar do prédio. A PM evacuou o local e prendeu alguns manifestantes. Segundo informações, o clima entre os servidores do MEC foi de pânico.

O ministro da Educação, Mendonça Filho, condenou de forma veemente os fatos ocorridos hoje na Esplanada dos Ministérios, particularmente no MEC, que foi invadido por mascarados com pedaços de ferro e pedras, destruindo móveis, computadores, cadeiras, vidraças, divisórias e depredando outros bens públicos. “Os servidores do MEC viveram clima de terror. Isso é inaceitável. Como democrata que sou, entendo o direito de protesto, mas de forma civilizada, respeitando o direito de ir e ir. O que vimos hoje foram atos de violência e vandalismo contra os servidores públicos e contra o patrimônio”, afirmou. (fotos/divulgação)

manisfestantes-mec-2

6 COMENTÁRIOS

  1. Tem gente infiltrada. Quem esta formando e financiando milicias, sao pessoas dos movimentos, vem pra rua, revoltados online, etc. e estes ja foram financiados pela fiesp (com dinheiro publico), por psdb,dem e pmdb (inclusive chamados por temer pra ajudar neste desgoverno). Este é o estilo dos aprendizes da ditadura…
    Aliás, tambem discordo de violencia,e de todo tipo.

  2. Estes são os mesmos irresponsáveis que gritam ” É GOLPE”!!!, que invadem e depredam escolas e universidades, que reclamam uma democracia que só eles se manifestam, só eles tem direitos, uma democracia parcial, absolutista, e à disposição de gente que não produz nada e combate o capitalismo que os sustenta, ah, raça sem futuro o PT criou!!!

  3. Sou a favor do direito de manifestação, mas sou contra qualquer tipo de violência, depredação do patrimônio público ou privado venha de quem vier. Os trouxas aí que participaram do vandalismo deveriam se lembrar que cada vidro desse colocado nestes espaços públicos, foram comprados com os impostos que estes mesmos trouxas tiveram que pagar (ou os pais deles), e o conserto vai sair do bolso de quem? Do contribuinte! No mais, cadeia nos responsáveis, isso não é manifestação, é motim, terrorismo!

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome