Manifestantes descartam reunião com Lóssio após condição de desocuparem prédio da prefeitura

2

vale acordou ocupa prefeituraHá mais de 24 horas ocupando o prédio da Prefeitura de Petrolina, no Centro da cidade, um grupo de jovens que integram o Movimento ‘o Vale Acordou’ descartou na manhã de hoje (16) uma nova tentativa de diálogo com o prefeito Júlio Lóssio (PMDB).

Os manifestantes não gostaram de saber que o prefeito só aceitaria conversar se o grupo desocupasse as dependências da prefeitura.

Lóssio – que não se encontrava na prefeitura – pretendia se reunir com uma comissão do movimento, em outro local. Os manifestantes chegaram a nomear cinco pessoas do grupo para ouvirem o que o prefeito tinha a dizer, mas desistiram ao saber da condição imposta pelo gestor.

Uma cidade com 300 mil habitantes e ele tem medo de conversar com cinco”, desabafou um dos manifestantes do movimento.

Uma das que ocuparam a prefeitura, a estudante Alana Coelho lamentou a postura de Lóssio. “É uma pena que o prefeito não queira o diálogo. O que ele pretende é impor sua vontade”, declarou.

Uma equipe do 5° Batalhão de Polícia Militar (BPM) está a postos, em frente à sede da prefeitura, para cumprir o mandado de reintegração de posse solicitado pelo prefeito à justiça. Mesmo cientes de que terão de desocupar o prédio, os manifestantes garantiram manter o protesto. “Podemos até sair da prefeitura, mas interditaremos a rua”, afirmou outro integrante do movimento.

2 COMENTÁRIOS

  1. Cadê o populista Lóssio?

    Estão de parabéns todos estes nobres estudantes, pessoas com crítica apurada e independente de ligação partidária.
    Sr. prefeito apareça e fale com o povo, ou melhor se coloque do lado do povo.

Deixe uma resposta para Maria A. Cancelar resposta

Comentar
Seu nome