Leitor do Blog lamenta falta de apoio ao handebol de Petrolina

por Carlos Britto // 03 de abril de 2009 às 17:11

José, leitor do Blog, nos envia um pequeno texto lamentando a falta de apoio ao esporte amador em Petrolina, a exemplo do handebol, que já conquistou títulos importantes em nível nacional e regional.

“Percebo que a mídia comenta muito sobre o futebol, mas você conhece o handebol de Petrolina? Handebol feminino do aplicação, bicampeão brasileiro e masculino vice-campeão. Nunca nenhuma modalidade chegou tão longe. Sem falar no profissional, que estava sucateado e é reconhecido no Recife como uma potência. Vejo o esporte como um setor de uma empresa. O setor que estiver lucrando investe-se mais, porém ninguém olha isso. Poderíamos está com um time nas competições em nível nacional, mas cadê o investimento? Já mostramos ser capazes de ir longe, agora falta ajuda. Abraço.”

Leitor do Blog lamenta falta de apoio ao handebol de Petrolina

  1. Pascal disse:

    O que acabou o handebol de Petrolina , foi a “política” do técnico Marcondes ou Marcones ( do Colégio Dom Bosco). Explico porquê : DURANTE MAIS DE 20 ANOS , ESSE CIDADÃO NÃO PODIA VER UM BOM ATLETA DE ESCOLA PÚBLICA PARA NÃO OFERECER , NA HORA, UMA “BOLSA DE ESTUDOS” . SUA INTENÇÃO ERA TER OS MELHORES E MANTER-SE NO STATUS DE “PROFUNDO CONHECEDOR DO HANDEBOL” . COM ESSA POLÍTICA OS OUTROS TREINADORES DEIXARAM DE INVESTIR NO CHAMADO “PRATA DA CASA”: IAM REVELAR E TRABALHAR A BASE PARA REPRESENTAREM O DOM BOSCO ? CLARO QUE NÃO ! PERGUNTO; COM ESSE “PROGRAMA DE BOLSAS DE ESTUDO” QUEM , DE ESCOLA PÚBLICA, CONSEGUIU ALGO ? POUCOS.,MUITO POUCOS . A GRANDE MAIORIA ERA ABANDONADA QUANDO “ESTOURAVA A IDADE” E RARAMENTE CHEGAVAM A APROVEITAR A CHANCE DE TER ESTUDADO NUM BOL COLÉGIO – PQ FALTAVA BASE. Ainda hoje é assim , tirando o técnico do Eduardo Coelho , que não sei o nome, e Otacílio – pelo seu carisma, quem mais tem formado novos jogadores de handebol ? E grandes profissionais, que podiam ter renovado o handebol de Petrolina, frequentam hoje o espaço dedicado ao desencanto: AMAM, MARQUINHOS, ROGÉRIO, ELÁDIO ….

    1. Gilmara disse:

      Pascal, eu estudava na Aplicação e fui uma dessas atletas que o Prof. Marcone ofereceu bolsa de estudos… Fui bolsista do CDB do 1° e 2° anos e no 3° ano recebi outra bolsa pra estudar colégio Anglo Líder, por sinal o mesmo que o do Heitor; também fui Seleção Pernambucana e atleta do Clube Português do Recife! Te digo uma coisa, eu, assim como outros outros BOLSISTAS de minha época no CDB, hj são universitários e cursam, por exemplo medicina e agronomia. Sou aluna do 8° período do Curso de Engenahria Agrícola e Ambiental, na UNIVASF; Na universidade, participo de projetos desde o 2° período e atualmente sou aluna de iniciação científica!

      Acredito que a bolsa de estudos tenha contribuído positivamente na minha formação e só tenho a agradecer pela opotunidade que me foi dada!!

      1. Gilmara disse:

        Só a título de informação, o pré- requisito para um aluno ser bolsista de iniciação científica é ter um CRE (Coeficiente de Rendimento Escolar) igual ou acima de 6,0; Assim o projeto pode ser submetido ao órgão de pesquisa para seleção!

  2. Pascal disse:

    Desculpe ter esquecido de NENEGA E IVAN PETROLINA….

  3. Maria dos Anjos Fonseca de Araújo disse:

    Concordo plenamente com José em seu comentário, meu filho Heitor foi morar em Recife e jogar pelo Anglo. Clube Português e Seleção Pernambucana. Ele poderia jogar somente pela Seleção e continuar aqui em Petrolina na Escola de Aplicação, mas por falta de oportunidades aqui em Petrolina, seja por falta de iniciativa de alguns orgãos e da própria escola ele hoje está longe do convívio da família e de amigos dos quais tanto gosta mas, ele estar bem, e o melhor ele sabe conciliar estudo e ser atleta. Teve uma despedida lindaa, cheia de emoções mas, os amigos compreenderam que era o melhor pra ele. Fico aqui trocendo para que todos apoem o handebol que depois do futebol é o esporte mais praticado no Brasil. Boa sorte Heitor e boa sorte a todos os atletas que praticam esse esporte tão lindo.

  4. Marcia Maria Menenzes disse:

    Pois é Maria….

    Enquanto choramos nossas idas….
    O desescaso cont inua…
    Ontem foi seu filho Heitor,,,
    Amanhã será meu ou algum outro bebe…
    Conclusão: estamos perdendo nossos atletas para outros clubes…
    Boa sorte : HEITOR FONSECA… foi um dos nossos…

  5. Marcia Maria Menenzes disse:

    Sabe…Não credito a uma pessoa ou a algum orgão só mas… acredito num conjunto e orgãos que desejem melhorar nossa sociedade… Mas é asssim mesmo MARCIA, SEI L[Á…

    Heitor sempre foi o MELHOR para a ESCOLA de APLICAÇAçAO. aluno Exemplar atleta ùnico e tá lá na Escola Anglo…. Podia estar aquiu,. nãO????????????????

  6. José disse:

    Não fiquemos decepcionados, pois o Clube Petrolina de Handebol está iniciando este ano com grande motivação. Parece que a prefeitura de Petrolina vai ajudar o clube.
    Já está havendo treinos preparatórios para os capeonatos.
    Vou tentar entrar em contato com Carlo Britto para informar em seu blog os resultados do clube.
    Quero salientar que numa empresa existe divessos setores no qual uma adiministração boa, observa com clareza os pontos positivos de cada setor. Esperamos que o handebol de Petrolina possa criar Herois no qual a criançada se espelhe.
    Desde já obrigado!

  7. Gildo Santana - Petrolina-PE disse:

    como amante do esporte vou torcer bastante para o time de nossa cidade, porém acredito que com o passar do tempo haverá um desânimo natural dos atletas por não receberem o apoio que merecem. Vejo como exemplo o futebol petrolinense, sem apoio e mendigando para pagar salários avança para a segunda divisão, dando vexame no campeonato. A diferença talvez é que os atletas do handebol são da região reduzindo custos e com certeza jogarão com raça e com o coração, até quando? o tempo dirá.

  8. Joemiles Rodrigues disse:

    Fui aluno do professor Marcone durante 6 anos (no colégio) e até hoje, mesmo tendo terminado os estudos no DOM BOSCO ainda sou seu atleta, e sou uma prova de que não só alunos que vieram de escolas publicas foram gerados no DOM BOSCO na minha geração tiveram várias pratas da casa que deram bons resultados ao colégio e até hoje trazem resultados para o handebol de petrolina e também tive companheiros que vieram de escolas públicas e tiveram oportunidades e que hoje estão cursando uma faculdade com uma perspectiva de vida admirável. E em relação ao comentário do Sr. Gildo Santana, concordo quando diz que falta uma maior apoio publico e privado, mas em relação ao desânimo eu discordo até por que diferentemente do futebol, não jogamos por salários, pelo contrário pagamos pra jogar, fazemos por prazer.
    Abraço a todos, e torçam para o handebol petrolinense!

  9. GESSICA PEREIRA GOMES disse:

    Fui atleta de handebol da Escola de Aplicação e ganhei bolsa de estudo no CDB e tive um bom apoio por parte do setor de esporte,durante minha permanência no colégio e, também, depois da conclusão. Hoje, faço medicina e vejo que minha decisão foi assertiva, pois tive uma boa base e evoluí muito como pessoa, estudante e atleta. Ademais, a realidade da educação pública no nosso país é lastimável, então já que se pode unir educação a uma oportunidade melhor de ensino por quê não? Espero que o handebol de Petrolina ganhe realmente mais apoio, pois de fato a cidade tem vários atletas em potencial.

  10. Andrezza disse:

    Quando ver isso é um recalcado que não conseguiu bolsa e é frustado até hoje, pena!
    Tenho minha base de handebol no colégio Dom Bosco, onde estudo desde sempre e sinto-lhe informar, já fui convocada para seleção pernambucana n vezes, se ele não é bom treinador e rouba “talentos” como consegui isso? Pois bem, com todo o meu esforço e dos meus treinadores MARCONE e Marquinhos.
    Pois bem, handebol não é para sempre, ele dá oportunidades SABIOS AQUELES QUE SABEM APROVEITAR AS OPORTUNIDADES DA VIDA, como N pessoas já aproveitaram essa oportunidade de vir de colégio público e ir para o Dom Bosco. Pois bem, inveja é uma coisa muito feia pare com isso.

  11. Andreykson Barros disse:

    foi a “política” do técnico Marcondes ou Marcones, Meu Caro Pascal quantas pessoas tem a oportunidade de estudar em escola particular por causa do esporte e vc vem falar Mal da ”Politica”, vc tem que ver pq um aluno de escola publica tem tanta dificuldade quando vai estudar em uma escola particular culpa da “Politica de Marcone” nao deveria Ser, Graças a essa politica que vc fala muitos atletas conseguiram uma condição de estudo melhor, Isso de forma prata da casa, chega em uma escolar particular e pega uma bola de futebol é uma de Handebol pra vc ver quantas pessoas pegam a de handebol, Vc tem que agradecer nao so a Marcone como tbm a Marquinhos, Joazinho e Marcão que tentam manter vivo a Handebol em escola Particular.

  12. messias disse:

    Rapaz eu só tenho que agradece a Marcone e marquinhos pela força que eles estão me dando esse ano! Hoje professor Marcone chegou até a min e disse que eu tinha um belo futuro na área de ED. Física. E lembro Tb que sou da cidade de senhor do Bonfim e lá não tinha uma expectativa de chegar aonde eu cheguei hoje e sou exemplo para muitos atletas hoje em Bonfim e região se voc. chegar à jacobina, Miguel Calmon, mundo novo e alguma outra cidades do norte da Bahia vc e falar de handebol vc vai ouvir fala messias do DOM BOSCO e giba que Tb e de senhor do Bonfim e está aqui tab. esse ano e volto a repetir que mesmo não tendo mais idade para jogar os jogos escolar e diocesano continuo treinando lá e sempre sendo incentivado a estudar. Mas infelizmente em vez de esse pascal critica a forma que o BRASIL trata o handebol ele fica criticando que tenta manter ele vivo se realmente voc. gostasse de handebol voc. ñ estava comentando essa idiotice Agora só lamento que esse tal de pascal ñ mostre quem realmente ele é que ai sim irão descobri o verdadeiro despeito dele ele relação à PROF. Marcone! Deveríamos lembra tab. de quem hoje e considerado os dos percussores do handebol de Petrolina e o títulos conquistados pelo CLUBE DOM BOSCO DE HANDEBOL. (só lembrando esse sim e o desabafo de um verdadeiro atleta que já jogou e joga do CDB e CDBH)

  13. Luis Marcel Zurlo Silva( mimosa) disse:

    Abraço a todos Petrolinenses, Em especial a turma do hand CDB e principalmente ao mestre burra preta.

    Abraços, Luis Marcel ou mimosinha.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *