Lagoa Grande: Força-tarefa intensificará fiscalizações de medidas de enfrentamento ao novo coronavírus

0
Lagoa Grande-PE. (Foto: Google Street View)

Em Lagoa Grande (PE), Sertão do São Francisco, uma força-tarefa formada por equipes da prefeitura (Secretaria de Saúde, Vigilância Sanitária e Assistência Social), auditores fiscais e Polícia Militar (PM) deverá intensificar as ações de fiscalização em todo o município quanto às medidas de combate ao novo coronavírus (Covid-19). Quem for flagrado sem máscara nas ruas, em estabelecimentos comerciais, em aglomerações e comércio não essencial será advertido e, em casos de resistência, será convidado a assinar Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) na delegacia. Além disso, haverá multas para o infrator e o dono do comércio. Este, inclusive, poderá até perder o Alvará.

Quem não usa máscara comete crime e poderá ser preso”, alertou o procurador-geral do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), Francisco Dirceu Barros. Desde o início da pandemia, a Prefeitura de Lagoa Grande agiu rápido adotando todas as medidas, seguindo os protocolos do ministério da Saúde e do governo do Estado no sentido de prevenir, cuidar e conscientizar a população acerca da doença.

A administração do prefeito Vilmar Cappellaro equipou uma ala do Hospital Municipal exclusiva para os atendimentos emergenciais e está realizando quase mil testes; distribuiu 3 mil cestas básicas, kits de higiene pessoal, 5 mil máscaras e 3 mil litros de álcool 70.  Também tem estimulado o uso do Aplicativo Dycovid “Atende em Casa”, que classifica o grau risco e encaminha para o teleatendimento. Todos os sábados e domingos pela manhã equipes da Secretaria da Assistência Social fazem distribuição de máscaras e borrifação de álcool 70 para feirantes e clientes com muita conscientização nas feiras livres da Sede e Vermelhos.

O objetivo, segundo a gestão municipal, é seguir com orientações educativas para evitar medidas de lockdown (confinamento e fechamento obrigatório). Os comerciantes têm sido orientados quanto ao funcionamento seguro dos seus estabelecimentos e dos clientes. Também revelou estar recebendo muitas denúncias referentes ao desrespeito às normas estabelecidas e, que medidas mais duras serão adotadas esta semana. A recomendação para a população é ficar em casa e sair somente em caso de extrema necessidade. Se sair, usar máscara e levar o álcool 70, manter o distanciamento e evitar aglomerações. Para o comércio, a orientação é de não permitir a entrada de pessoas sem máscara, ter na porta do estabelecimento álcool para higienização, manter uma quantidade de clientes dentro do estabelecimento, respeitando o limite e preservando 1,5 metro com marcação no piso.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome