Juizado orienta colocar pulseiras de identificação em crianças no Carnaval de Juazeiro

0
Coordenação do Carnaval de Juazeiro 2019 se reúne com juiz da Vara da Infância e Juventude. (Foto: Ascom PMJ/Divulgação)

O coordenador do Carnaval de Juazeiro 2019, Samuel Morais, reuniu-se com o Juiz da Vara da Infância e Juventude da comarca, José Carlos Rodrigues do Nascimento, para iniciar as tratativas sobre o funcionamento do Judiciário na festa momesca. A secretária de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade, Cida Gama, também estava presente no encontro, que aconteceu ontem (21). A festa será realizada nos dias 15, 16 e 17 de fevereiro e é promovida pela prefeitura municipal.

Na reunião foram discutidos assuntos como espaços onde a Vara da Infância e Juventude irá funcionar no percurso da folia, assim como uso das pulseiras de identificação para as crianças.”Estamos conversando com os órgãos encarregados do carnaval, para que tudo funcione de maneira harmônica. Vamos fazer uma campanha para que as crianças saiam de casa com seus pais já utilizando uma pulseira, que será doada por nós e pela prefeitura, identificando-a com nome, endereço e telefone. Assim será mais fácil localizar os pais, caso ela se perca dos mesmos“, disse o juiz José Carlos Rodrigues do Nascimento.

O juiz disse ainda que qualquer ato infracional causado por criança ou adolescente deve ser levado à autoridade policial, que vai registrar em um boletim de ocorrência e encaminhar ao Ministério Público. “O agente de proteção estará na rua somente para fiscalizar crianças e adolescentes que possam cometer algum ato infracional“, afirmou.

Samuel Morais ressaltou ser importante trabalhar integrado com a Vara da Infância e Juventude, para que o carnaval transcorra com toda tranquilidade possível. “O clima de paz que tem nosso carnaval cada vez atrai mais famílias, inclusive com muitas crianças, e ajustar já alguns detalhes faz a diferença, para garantir que brinquem com segurança. O juiz José Carlos tem demonstrado, todos esses anos, um grande senso de interação com a organização“, analisou Samuel.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome