“Juazeiro precisa urgentemente de um Plano de Mobilidade Urbana”, crê vereador após audiência pública

por Carlos Britto // 20 de julho de 2013 às 15:18

Mesa audiência_640x425Vereadores presentes e plenário_640x425Com a presença de representantes da prefeitura, da Câmara Municipal, Univasf e do Movimento ‘O Vale Acordou’, foi realizada no dia de ontem (19), no plenário da Casa Aprígio Duarte Filho, em Juazeiro, uma audiência pública que teve como principal enfoque a mobilidade urbana.

Entre as propostas sugeridas durante o debate estão a implantação da ‘tarifa zero’, criação de vias exclusivas para bicicletas, retomada das áreas públicas, separação efetiva do que é público e privado, fiscalização do serviço de mototáxi, implantação da zona azul, sinalização e acessibilidade para deficientes.

Autor da indicação que solicitou a audiência, o vereador Tiano Félix (PT) resumiu o que achou do resultado: “Há uma necessidade urgente de se construir o Plano de Mobilidade Urbana, alterar o Conselho Urbano, criar uma comissão, incluindo representantes do Movimento ‘O Vale Acordou’, da Câmara, do Executivo, da Universidade e das comunidades para que se comece a trabalhar o que é de curto, médio e longo prazo”. As informações são da assessoria da câmara.

“Juazeiro precisa urgentemente de um Plano de Mobilidade Urbana”, crê vereador após audiência pública

  1. Zé Santoos do \\d. Avelar disse:

    Eu sou apoio TOTAL do vale acordou, só não entendo como é que se participa de uma audiência pública, e que se quer, tem na pauta Saúde, Educação ou até um pedido de CPI, já que os recursos da Educação e da Saúde, verbas carimbadas advindas dos Ministérios de origens, e todo mundo pergunta, onde está o DINHEIRO?. E pergunta- se, o Vale Acordou não é contra a CORRUPÇÃO NÃO HEIN?
    Onde se trava uma luta no País inteiro por melhorias para a sociedade, o vale Acordou, leva na pauta, a implantação da zona azul, só pode é tá de brincadeira ou NÃO?

    A população apoia assim como eu, mas será que dar pra levar um pouco mais a sério as propostas?gente!!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *