Juazeiro apoiará retomada de sistema de dessalinização do Programa Água Doce

por Carlos Britto // 27 de setembro de 2022 às 18:38

Foto: Ascom PMJ/divulgação

A Prefeitura de Juazeiro (BA) irá apoiar a retomada do funcionamento de sistemas de dessalinização, que foram instalados em comunidades rurais com dificuldades de acesso à água potável de qualidade. O assunto foi tratado em reunião entre representantes da gestão municipal e da Secretaria de Meio Ambiente do Estado da Bahia (Sema/BA), que vieram à cidade para esclarecer alguns pontos sobre a operacionalização do Programa Água Doce (PAD) no município.

O encontro teve a presença do subcoordenador de obras civis e dessalinização do Programa Água Doce na SEMA/BA, Cassiano Lemos Júnior, do assessor especial da prefeitura, Rivas Espínola; do gestor da Agência de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Pecuária (Adeap), Assis da Apolo; da técnica em Meio Ambiente do Sistema de Água e Saneamento Ambiental (SAAE), Thais Lima; e do diretor de meio ambiente da Secretária de Meio Ambiente e Ordenamento Urbano (Semaurb), Alexandre Batista.

Juazeiro é um dos 55 municípios baianos beneficiados com o PAD, recebendo entre os anos de 2016 e 2017 a implantação de 9 sistemas de dessalinização, sendo que quatro deles instalados no Salitre estão parados por motivos diversos, segundo o subcoordenador de obras civis e dessalinização do Programa Água Doce na SEMA, Cassiano Lemos Júnior. Os equipamentos parados ficam nas seguintes localidades: comunidades Manoel Patrício/ Cruz/ Papeiro, Serra da Madeira, Tanque Novo dos Gomes e Bargado.

Trabalho multidisciplinar

Ao final do encontro ficou definido que uma equipe multidisciplinar da Prefeitura de Juazeiro, formada pela Adeap, Semaurb, SAAE e Sesau, fará o acompanhamento da retomada do funcionamento dos sistemas de dessalinização e dará o suporte necessário para a operacionalização do Programa Água Doce nas comunidades rurais do município.

Juazeiro apoiará retomada de sistema de dessalinização do Programa Água Doce

  1. otavio disse:

    Quer dar um presente de grego a um morador da Zona Rural? Dê-lhe um dessalinizador. A Zona Rural precisa de Poços Amazonas, ou melhor, Barragens Subterrâneas+Poços Amazonas+Bomba de Recalque com tubulação a até um Reservatório Elevado e Adeus Carro Pipa. Quer colocar água no Rio Salitre? com custo benefício plausível? traga água da Barragem de Sobradinho, aproveitando o Canal da Batateira e complemente esse Canal até a altura do Povoado do Junco ou mais um pouco acima e desague no Rio Salitre. Em assim procedendo, desse desague até sua foz no Rio São Francisco, o Rio Salitre ficará perenizado, como também será perenizado o Rio Tatauí. Custo? R$ 90 milhões, é muito? o Governo Federal poderá fazer isso via CODEVASF e economizar com carro pipa. Ah! sim, o custo da energia será bem menor que do Projeto de Irrigação Salitre, e o Custo Benefício muito melhor.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.