Juazeirenses contam as horas para inauguração da Vila Bossa Nova

0
Foto: Ascom PMJ/divulgação

A um dia de ser inaugurada, a Vila Bossa Nova – localizada na Orla II de Juazeiro (BA) – já cria expectativas na população, e não é à toa. A obra já se anuncia como um dos mais importantes equipamentos de fomento ao turismo no município do norte baiano, com foco no desenvolvimento e promoção da cultura local. O complexo gastronômico funcionará no antigo prédio da Franave, onde por muitos anos funcionou uma fábrica de peças para as embarcações que navegavam pelo rio São Francisco.

A revitalização do equipamento preservou aspectos originais da arquitetura, transformando o velho e abandonado prédio no mais belo e aconchegante centro de gastronomia do Interior da Bahia, com direito à instalação da primeira cervejaria artesanal do norte baiano. “A Vila Bossa Nova é mais um grande sonho que a nossa gestão realiza mediante parceria com o governo do Estado e com o empreendedorismo privado. Esse é o compromisso firmado com os juazeirenses, superar as dificuldades com planejamento e muito trabalho para continuar melhorando a vida da população“, explanou o prefeito Paulo Bomfim.

A solenidade de inauguração da Vila Bossa Nova vai contar com uma justa homenagem a ex-funcionários vivos da extinta Companhia de Navegação do São Francisco. Trabalhadores como José Vicente Vidal, de 81 anos, dos quais 38 anos dedicados à Franave. Emocionado, relatou o significado de ver o prédio restaurado. “Isso aqui é a revitalização das nossas próprias vidas. Ficou maravilhoso”, elogiou. Manoel da Silva Oliveira é outro ex-operário que ficou feliz pela transformação do local onde ajudou a construir peças e motores para os barcos. “Aqui é a memória viva da história da Companhia e ainda vai ser um lugar de alegria e diversão para toda a família. Estou muito feliz e parabenizo a prefeitura por essa bela obra”.

Para Antônio Barbosa, o popular Baé, figura tradicional do futebol juazeirense e que juntamente com jogadores da época também trabalhou na Franave, a Vila Bossa Nova funcionar nos antigos casarões é um marco para o município. “É um grande presente que estamos recebendo e que entrará para a história. Nós sabemos como estava antes e agora o que vemos é espetacular. Essa gestão está de parabéns”, elogiou.

Saudade

Antônio Martins dos Santos (‘Seu Zeca’), aos 101 anos, ainda lembra com saudade o tempo em que comandava a caldeira da fábrica onde trabalhou durante quase 60 anos. “Este lugar foi uma das melhores bênçãos que recebi de Deus. E está muito bonito agora, provando que o prefeito é um homem de fibra e faz tudo com zelo“, ressaltou. Responsável pelo setor administrativo da Companhia durante 33 anos, Euza Nunes da França era uma das mais emocionadas na visita que fez ao local. “A emoção bateu forte. Foi daqui de onde tirei o sustento da minha família e, após tanto tempo de abandono, ver como ficou e saber que será um espaço para todos os juazeirenses sentirem orgulho me deixa demasiadamente feliz“, relatou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome