Jornal italiano deixa transparecer preconceito com povo latino em relação à sucessão de Bento XVI

7

papa-bento-XVI/foto AFP
Causou, no mínimo, estranheza a informação contida no Jornal italiano “La Stampa” sobre o sucessor do papa Bento XVI, que renunciou no final de fevereiro.

O noticioso destacou o nome do cardeal brasileiro Dom Odilo Scherer, cotado para a disputa no Conclave. O que chama a atenção é o fato de o “La Stampa” justificar as boas chances de Dom Odilo por ser ele um latino-americano que fala bem o idioma italiano, além de possuir um sobrenome alemão e “modos medidos que o fazem parecer pouco latino”.

Em outras palavras, o jornal argumenta que o religioso brasileiro, se chegar a papa, é porque tem traços que se assemelham muito mais com o povo europeu. Perguntar não ofende: é impressão ou o jornal demonstrou certo preconceito com o povo latino-americano?

7 COMENTÁRIOS

  1. Normal … Vamos lembrar quanto tempo demorou para conseguirmos uma mulher presidenta!! ou Morgan freeman na Casa Branca… A santa Sé tem 2000 Anos de Hipocresia…Muito diferente do Estado Moderno de Israel queem 50 Anos ja rodaram algumas mulheres como Primeira Ministra

    • O que tem haver o estado de Israel com a crítica da reportagem do La Stampa?

      Está querendo promover o judaísmo falando mal do catolicismo?
      Creio que começou bem… bem mal!

  2. Quem sustenta o glamour, os carrões, as pompas do vaticano são os otários Latinos.
    Só Jesus salvará a nossa Igreja Católica desses Europeus que se acham superiores aos POVOS LATINOS.

  3. Muito bem senhor Rodrigo, sinta-se a vontade para mandar suas ofertas financeiras para Itália, eles te consideram como irmão e te ama. Você não enxerga o etnocentrismo existente em toda Europa e a Igreja é também parte disso, mas os que não querem enxergar dizem amém.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome