Israel ignora pedido da ONU e mantém ofensiva em Gaza

por Carlos Britto // 10 de janeiro de 2009 às 09:17

Israel decidiu nesta sexta-feira não atender ao apelo do Conselho de Segurança da ONU (Organização das Nações Unidas) por um cessar-fogo imediato na Faixa de Gaza, dando continuidade a sua ofensiva contra o grupo radical islâmico Hamas, que já fez 785 vítimas fatais do lado palestino, após 14 dias de bombardeios e combates.Dez militares israelenses e três civis foram mortos em combate ou atingidos por foguetes palestinos no mesmo período.Os ataques da Força Aérea e da artilharia israelense prosseguiam nesta sexta, matando pelo menos 25 pessoas, enquanto militantes do Hamas dispararam 30 foguetes da Faixa de Gaza contra o sul de Israel, onde uma pessoa ficou ferida. Segundo testemunhas, o exército israelense também prendeu cerca de 300 palestinos no norte de Gaza.

Israel ignora pedido da ONU e mantém ofensiva em Gaza

  1. Prof. Bháskara disse:

    Vinte e três anos de sala de aula: tudo que é teoria “revolucionária” no campo educacional já vivida . Uma constatação: tudo só fez piorar! Embora os índices, devidamente manipulados e criados por quem nunca pisou numa sala de aula, digam o contrário. Quando comecei a ensinar era comum alunos oriundos da escola pública, passarem no vestibular (3º ano A da antiga Escola Alfa Polivalente, ano 1982 , aprovou metade da turma, numa época que as vagas eram poucas…). Hoje, quando passa um aluno da escola pública numa faculdade ruim é um tal de bota-faixa na frente da escola, o que representa um paradoxo e um certificado de incompetência da própria escola que reprovou a maioria…Alguém pode alertar as gestoras sobre essa besteira lógica que cometem ? Eu já falei para a minha…e não fui ouvido!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.