Internauta lamenta falta de controle do poder público sobre moto táxi em Petrolina

por Carlos Britto // 28 de março de 2009 às 21:19

O internauta Carlos André nos envia o seguinte texto:

“Boa noite, sei que o assunto do Moto Táxi é espinhoso, mas não lembro e nem soube que a legislação tinha sido alterada permitindo esse meio de transporte alternativo. E agora mais ainda às claras, com direito a farda, número de identificação como se legalizado fosse. Pergunto: onde estão as autoridades policiais, que até pouco tempo reprimiam esse meio de transporte? Cadê a promotora que ameaçava a prefeitura com multas, caso permitisse ? A EPTTC ainda existe? Como ficam os guardas de trânsito, que até pouco tempo eram discriminados por cumprir seu trabalho e agora são obrigados a fazer de conta que não estão vendo? E por último: por que a imprensa não toca mais nesse assunto ? Não sou contra o transporte alternativo, sou contra a banalização da justiça. Já pensou se daqui uns dias criam o sindicato dos batedores de carteiras e eles passam a andar fardados com identificação ? Um forte Abraço”.

Internauta lamenta falta de controle do poder público sobre moto táxi em Petrolina

  1. So observando disse:

    Interessante este texto escrito por Pedro Novaes de Itapetininga (SP). O problema também acontece em outras cidades.

    Eles serpenteiam pelo trânsito, ultrapassando pela direita ou pela faixa que divide as pistas de rodagem. Os antigos diriam que andam com a pressa dos que vão tirar o pai da forca.
    Buzinando com freqüência, e operando movimentos tão rápidos quanto imprevistos, tornam nervoso e estressante o trânsito. Alguns são especialistas em quebrar espelhos externos dos carros, e outros tornam-se corporativistas extremados, quando de algum acidente ou desavença que envolva algum colega.
    Enquanto nas capitais a multidão de motoboys empesta o trânsito, transportando mercadorias, no interior surgiram, às centenas de milhares, os mototaxistas, que transportam vidas humanas, em precárias condições de segurança.
    O mototáxi surgiu de inusitada combinação de fatores. De um lado, o consumidor, que precisava de um meio de transporte barato e ágil, que não ficasse limitado às rígidas e pouco abrangentes rotas dos ônibus urbanos, com seus horários e amontoados. De outro, o desemprego e a facilitada oferta de motocicletas, permitindo a ocupação remunerada a quase um milhão de brasileiros.
    O setor não necessitou de qualquer regulamentação ou legalidade expressa, para tornar-se gigantesco e real, tão real que diversos estados e municípios tentaram legaliza-lo, gerando diplomas legais declarados inconstitucionais, por invadirem seara privativa da União.
    Um dos benefícios dos mototáxis foi obrigar os táxis convencionais à redução de preços, e à criação de lotações e linhas informais, a baixo custo. Dizem que os ônibus urbanos estenderam suas linhas e contiveram aumentos de preços, pela nova e inusitada concorrência. Em suma, o táxi convencional deixou de ser um serviço de luxo, e os ônibus urbanos passaram ao atendimento mais humanizado.
    Enquanto no Congresso Nacional tramitam, a passos de tartaruga, projetos de lei que tratam dos mototáxis, especialistas em segurança e saúde humana gritam, em alto e bom som, alertando para a temeridade de persistir o transporte coletivo humano em motos, nos moldes atuais.
    Idosos, crianças e gestantes usam mototáxis, expondo-se a riscos que podem ser avaliados pelos históricos de acidentes, quase todos graves, que acontecem diariamente nos municípios brasileiros. Os riscos abrangem também os pedestres, que precisam de olhos de lince e agilidade de gato, para perceber a sempre inesperada passagem de uma moto, em sua perpétua pressa.
    Os legisladores decidirão o assunto sob intensa e ruidosa pressão de mototaxistas e consumidores, que alegarão benefícios e necessidades financeiras e sociais. A tendência do legislador federal é empurrar o abacaxi ao legislador municipal, emprestando-lhe competência, após alguns enunciados generalistas.
    Nos municípios, vereadores e prefeitos deveriam tratar o tema sem atentar ao barulho das galerias, atendo-se à oitiva de médicos e especialistas em segurança. Alguns prefeitos ensaiam a proibição sumária dos mototáxis, com toneladas de razão e legalidade.
    Difícil será, após a proibição, diferenciar uma carona amiga da atividade remunerada. A proibição só será efetiva se a população não retornar ao estado de carência e desrespeito que imperava no transporte público, motivo de sua adesão e aplauso ao mototáxi.
    Qualquer que seja a solução adotada convém, às autoridades responsáveis, tornar mais respeitadas as normas de trânsito, civilizando o vai-e-vem escandaloso e estressante de motocicletas, antes que se transformem em aglutinadoras de turbas.

  2. tabareo disse:

    É a NOVA PETROLINA.

    Que tal???????????????

  3. Tabareo disse:

    Será que é compromisso de campanha????????

  4. J. Paulo disse:

    O MAIS INTRIGANTE E PERIGOSO E A COMPLUCIDADE DA MINISTERIO PUBLICO, POIS SENAO VEJAMOS:

    1 – PETROLINA TEM UMA COLETA DE LIXO QUE MAIS PARECE LIXO NA SUA ESSENCIA;

    2 – MOTO TAXI AGORA VIRA CELEBRIDADE;

    3 – SERA QUE ESSES DESMANDOS TEM A VER PORQUE ACABOU O NEPOTISMO NO JUDICIARIO E COMO NAO EH MAIS POSSIVEL ESSA PRATICA, E OS MESMOS USAM A PREFEITURA PARA EMPREGAR OS PARENTES, SENAO VEJAMOS O QUE ESTA ACONTECENDO NA PREFEITURA ONDE TEM MAIS DE UM CONJUGE DE JUIZ DA CIDADE;

    4 – SE ISSO SO FOR COINCIDENCIA, PORQUE O SILENCIO DO MINISTERIO PUBLICO, JUDICIARIO, ONDE PRINCIPALMENTE TEM UMA SENTENÇA CONTRA O MOTOTAXI E NINGUEM DIZ NADA;

    5 – AGORA VOCE QUER VER O MINISTERIO PUBLICO SER FEROZ E EFICIENTE, TOME UMA CERVEJA A MAIS E VAR NA AREIA BRANCA, LIGUE O SOM DO CARRO, E VERAS VARIAS VIATURAS DA EPTTC, POLICIA EM TODAS AS SUAS FORMAS, A DOUTORA PROMOTORA PALADINA DA VERDADE EM PESSOA E TODO O APARATO, INCLUSIVE A TV GRANDE RIO, DANDO DESTAQUE TOTAL NO SEU PIFIO TELEJORNALISMO.

  5. Ivan disse:

    O índice de acidentes com motos aumentou sensivelmente neste início de 2009. A emergência do hospital de traumas é praticamente voltada só para este tipo de atendimento, as clínicas particulares de ortopedia e de fisioterapia estão lotadas e nunca faturaram tanto. Viva o prefeito da saúde!

  6. AMIGO DA ONÇA disse:

    ENGRAÇADO, O PODER PUBLICO COMO PODERA EXIGIR TRANSPORTE COLETIVO DE QUALIDADE COM O ADVENDO DO MOTO TAXI.
    TENHO OBSERVADO A CONSERVAÇAO DOS ONIBUS EM NOSSA CIDADE E VEJO VERDADEIROS MONTES DE FERRO VELHO A CIRCULAREM PELAS VIAS, OUTRO DIA UM DELES PASSOU NUM QUEBRA MOLAS NA GUARARAPES, DEVAGAR, MAS O SUSTO QUE TIVE, DE BORRACHA A UNICA COISA QUE ELES TEM SAO OS PNEUS, FOI UMA BATEDEIRA DE FERRO EM BAIXO DO ONIBUS QUE FIQUEI ESPANTADO!!
    DR. JULIO, FAÇA ALGUMA COISA…. ESSE SISTEMA MALUCO DE TRANSPORTE INTALADO E MUITO BEM ORGANIZADO EM PETROLINA VAI TRAZER UM ATRAZO DE 10 ANOS A POPULAÇAO.
    ESTAMOS NA CONTRAMAO DA HISTORIA COM O MOTO TAXI!!!
    RESPONSABILIDADE DA MANUTENÇAO DA VERGONHA E DO DESCONTROLE . MINISTERIO PUBLICO E A PREFEITURA!!!
    FAÇAM ALGUMA COISA….
    EU PARTICULARMENTE, NAO DEPENDO DE NEM UM NEM DE OUTRO…
    MAS SOU AMIGO É DELA!!!

  7. Cadê???????? disse:

    kkkkkkkkkkkkkkk, gente não podia deixar de começar o comentário rindo, desculpa, mais é que isto já virou “graça”, pois as leis são burladas por conveniencia, agora eu pergunto, PORQUE CARLOS BRITO NÃO ETVE A CORAGEM DE INDAGAR A PROMOROIA, AO JUIZ RESPONSÁVEL E AO PREFEITO DA NOVA PETROLINA, sobre a liberação, ou melhor, porque estão fechando os olhos, E SÃO TODOS desde a EPTTC, PREFEITURA, JUSTIÇA, POLICIA MILITAR e POLICIA CIVIL?????

    Carlos Brito quero ver esta semana em seu blog resposta de todos estes orgãos citados.

  8. Raimundo Franciscio Filho disse:

    Caro Só observando,

    Perceba que o problema em São Paulo são as manobras perigosas dos motoboys, e não a atividade. Aqui, o problema é a atividade mto-atáxi, que é proibida Constitucionalmente.

    Aqui, mesmo sendo provocados, os poderes contituídos fazem viatas grosas.

  9. epaminondas disse:

    serviço de transito ,aqui em petrolina ,era de vergonha so no tempo em que geraldao-geraldo miranda, estava na epttc! agora,colocaram marcelo.ele e gente boa ,mas nao tem autonomia e faz politica em afranio.julio e quem comanda ,manda e desmanda… centralizaçao …ja era…isso e a nova petrolina- que nao queremos mais!.epaminondas.

  10. carlos augusto disse:

    O problema dos moto-táxis, aqui em Petrolina, é a ilegalidade e, também, as manobras perigosas! Guardadando as devidas proporções, o que vimos aqui – as brigas pelos “clientes” no River Shopping e outros,entre o “sindicato” e a “cooperativa”, por serem ilegais, se assemelham à luta pelos pontos de venda de droga, nos morros do Rio de Janeiro.

  11. renato disse:

    EU ACHO QUE MOTOTAXISTA TEM TODO DIREITO DE TRABALHAR, É MELHOR DO QUE VER AS RUAS CHEIAS DE ASSALTANTES E DESEMPREGADOS. ENQUANTO OS GOVERNANTES NÃO RESOLVEREM A QUESTÃO DO DESEMPREGO QUE VEM AUMENTANDO COM A CRISE MUNDIAL, TEMOS QUE TER ALTERNATIVAS DE RENDA, NÃO É Á TOA QUE O NÚMERO DE AMBULANTES AUMENTA A CADA DIA, É O EMPREGO INFORMAL, UM DOS SÉRIOS PROBLEMAS QUE OS POLÍTICOS FAZEM VISTA GROSSA.

  12. Tontonho disse:

    MEU CARO RENATO, MOTO TAXI É TRANSPORTE ILEGAL!
    ATENTA CONTRA A LEGISLAÇAO E MUITO MAIS CONTRA QUEM O UTILIZA….
    AQUI EM NOSSA CIDADE EXISTE UMA VERDADEIRA LEGALIZAÇAO DO PROIBIDO!
    TUDO COM A CONIVENCIA DA PREFEITURA E DA PROMOTORIA DE JUSTIÇA….
    UMA VERDADEIRA VERGONHA!!!

  13. A propósito... disse:

    Esse Carlos Augusto do comentário lá em cima é o mesmo da rádio? por que se for é bom que ele se fixe a uma posição definidade. Eu escuto o programa dele todos os dias e dou o maior valor quando ele diz no encerramento do programa: “plante uma árvore, a naturezqa não sabe se defender, mas sabe se vingar”. Agora eu acho que a natureza vai se vingar é dele, que sabado passado estava defendendo a derrubada das algarabas da orla. E algaroba não é arvore? só depois que ele começou a enrrolar e defender a poda e ele sabe que poda não resolve. Ele, Ricardo Banana & Cia Ltda, querem mesmo é que derrube, porque não assume?.

  14. renato disse:

    TONTONHO, QUEM MAIS COMETE ILEGALIDADES SÃO OS NOSSOS POLÍTICOS, SE VOCÊ LÊ JORNAL OU ASSISTE A NOTICIÁRIOS, VAI VER O QUANTO DE ILEGALIDADES ELES COMETEM E NADA ACONTECE. VOU CITAR ALGUMAS: FINANCIAMENTO DE CAMPANHAS COM CAIXA 2, 180 DIRETORIAS NO SENADO, ASSESSORES VIRTUAIS, MENSALINHoO, FIM DE PRISÃO ESPECIAL PARA NÍVEL SUPERIOR EXCETO PARA POLÍTICOS ( SÓ TEM BESTA) E VÁRIAS OUTRAS ILEGALIDADES QUE NÃO CABEM CITAR AQUI. NÃO USO E NEM DEPENDO DE MOTO-TAXI E NEM DE TRANSPORTE PÚBLICO , MAS NÃO PODEMOS DEIXAR FAMÍLIAS SEM TEREM DE ONDE TIRAR SEU SUSTENTO, SE VOCÊ NÃO SABE , EMPREGO ESTÁ MUITO DIFÍCIL, AINDA MAIS COM ESSA CRISE MUNDIAL QUE VEM AFETANDO O VALE DO SÃO FRANCISCO. ABRAÇO

  15. carlos augusto disse:

    Só por questão de justiça, informo a A propósito…,que eu não sou o Carlos Augusto da Rádio do grande Rio AM; a propósito, também sou contra as algarobeiras na margem do Rio São Francisco. Um abraço.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *