HU-Univasf e Comissão de Saúde da Câmara de Petrolina discutem Rede PEBA

por Carlos Britto // 03 de abril de 2024 às 19:00

Foto: Coordenadoria de Comunicação Social/HU-Univasf divulgação

A direção do Hospital Universitário (HU) da Univasf/EBSERH recebeu na manhã desta quarta-feira (3) a visita de membros da Comissão de Saúde e Assistência Social da Câmara de Vereadores de Petrolina. Na pauta do encontro, a crescente demanda por atendimentos constatada na Rede Interestadual de Saúde de Pernambuco e Bahia.

O superintendente da unidade, Julianeli Tolentino recebeu, juntamente com gerentes e gestores do HU, o presidente da comissão, Gilmar Santos, o relator Major Enfermeiro e o secretário Diogo Hoffmann. Na ocasião, foram levantados pontos para aprimoramento da atuação do HU e os desafios enfrentados diante da insuficiência de equipamentos da Rede de Atenção à Saúde da região, bem como ações preventivas e campanhas educativas voltadas à diminuição dos riscos que levam à hospitalização.

Foi um encontro fundamental para que tenhamos maiores informações sobre os desafios enfrentados por esta unidade hospitalar que tem prestado um serviço importantíssimo para o município de Petrolina e região. Nós precisamos, a partir deste diálogo, conquistar investimentos por parte das diferentes esferas de governo, e a Comissão de Saúde está se comprometendo em mobilizar esses recursos“, destacou o vereador Gilmar Santos.

Articulação

Diogo Hoffmann e Major Enfermeiro também manifestaram gratidão pela receptividade da gestão do HU-Univasf e reconheceram que a articulação junto aos atores que compõem a Região Integrada de Saúde refletirão diretamente no melhor atendimento a todos os cidadãos. A comitiva visitou ainda as instalações do novo angiógrafo, equipamento fundamental para procedimentos de hemodinâmica e que possui grande potencial para a assistência.

Estamos totalmente dispostos a subsidiar a Câmara Municipal com informações úteis e relevantes. Por meio destas interações, poderemos incrementar projetos de melhoria à atenção à saúde e consequentemente ampliar as possibilidades de ensino, pesquisa e inovação, formando novos profissionais com qualidade“, completou Julianeli Tolentino.

HU-Univasf e Comissão de Saúde da Câmara de Petrolina discutem Rede PEBA

  1. Esperança de dias melhores disse:

    Nosso futuro prefeito em ação.

  2. Sempre Juazeiro disse:

    Srs leitores.Parabéns pela iniciativa de discutir uma questão de tão relevada importância para toda a sociedade da região e, de outras plagas que fazem parte dessa compactuação, que não verdade é PEBA, na essência da palavra. Seria interessante, que reunião afim, tivesse participação do poder executivo e legislativo, cada cidade compõe a rede. Petrolina e Juazeiro, por ser cidades, que no meu entender, que mais são exigidas pela população, sobre terem atendimento de qualidade, e, alguns outros municípios só fazendo saúde, com encaminhamento dos pacientes para outras cidades. No final dos encontros, elaborar projetos, fazerem relatório crítico sobre assunto. Na reunião que deu origem a esta matéria postada, por exemplo, seria importante a presença em todos os encontros, no caso da região norte do estado da Bahia, o Coordenador Núcleo Região de Saúde, já que é de direito, o representante do Secretário de Saúde, na região. No início do mandato, a sua excelência, Sr governador, disse em entrevista, de que a situação da regulação, até mês de junho, isso ano passado, estaria resolvido o problema. Até está data, regulação não regula nada, muitas das vezes, chega a ser humilhante, constrangedor para cidadão(ã), quando pacientes são levadas por exemplo, para Recife, sem ao menos conhecer ninguém naquela cidade Pernambucana, e, o pior, ah o pior, é você que é de Juazeiro, que já foi referencia em saúde pública, pacientes serem encaminhados para Campo Formoso ou Remanso, nada contra a população das cidades coitadas, longe disso, mas, não dá pra entender e, até entendemos e, chegamos a conclusão de que o estado brasileiro, acabou. Olha que está preconizado na CF, Saúde de qualidade e gratuita para todos os brasileiros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Últimos Comentários

  1. Ciclo da extorsão isso sim, bebidas superfaturadas, espaços superfaturados, atrações superfaturadas, até o estacionamento custa os olhos da cara, numa…