Homem joga carro contra portão do Colégio Auxiliadora; antes, condutor teria rasgado cartaz com foto de suspeito de apagar imagens do Caso Beatriz

13
Cartaz com foto de suspeito de apagar imagens do Caso Beatriz é rasgado. (Foto: Alieny Silva/Blog do Carlos Britto)

Um homem desconhecido jogou o carro que conduzia contra o portão de acesso à garagem do Colégio Nossa Senhora Auxiliadora, no Centro de Petrolina, na madrugada desta quinta-feira (21). Em nota, a assessoria da unidade de ensino disse que parte do portão caiu e o muro também foi atingido pelo veículo. Ninguém ficou ferido.

Informações dão conta de que, antes de atingir o portão, o condutor teria rasgado um cartaz com a foto de Allinson Henrique de Carvalho Cunha, ex-funcionário terceirizado do colégio, suspeito de ter apagado imagens de câmeras de segurança que teriam registrado a movimentação na noite do assassinato da menina Beatriz Angélica.

Essa informação, no entanto, não consta na nota de esclarecimento enviada pelo colégio. Mas nossa reportagem foi até o local, no início desta tarde, e registrou que o cartaz está rasgado (conforme a foto). Vale ressaltar que o portão atingido pelo carro não é o mesmo onde os cartazes foram afixados, mas fica na mesma parte do muro. Vamos tentar falar com a Polícia Civil (PC) sobre o caso.

Acompanhem, na íntegra, a nota enviada pela escola:

As câmeras de vigilância do Colégio Nossa Senhora Auxiliadora Petrolina registraram uma ação de um homem de identidade desconhecida, que durante a madrugada desta quinta-feira (21) arremessou o carro, conduzido por ele, contra o portão de acesso à garagem da unidade escolar, derrubando parcialmente o portão e atingindo também parte do muro da escola. Os danos registrados foram apenas materiais, não havendo nenhum tipo de vítima na ocorrência.

Ao tomar conhecimento do fato, a direção do colégio, junto ao seu corpo jurídico, acessou o banco de imagens das câmeras e os arquivos foram encaminhados para delegacia de Polícia Civil, quando foi registrado um Boletim de Ocorrência.

O Colégio Nossa Senhora Auxiliadora é totalmente avesso a qualquer violência e vandalismo praticados contra patrimônios e pessoas, e acredita que a investigação policial identificará o responsável pelo ato.

Ascom/Colégio Nossa Senhora Auxiliadora

13 COMENTÁRIOS

    • Conversa, esse papo de cabeça de boi, satanás, diabo, é tupo papo de religioso, eu que adoraria por meus filhos no Auxiliadora, pena não ter condições. E hoje é o colégio mais seguro de toda região.

  1. Tespeito ao colegio e as freiras…as ex alunas .Naoaceitamos desmoralizar onome da rscola por contra um crime q a escola nada tem ha ver. Quem matou acredito q é mais fácil o pai da criança saber, do q a escola…… Bote a cabeca pra funcionar q vcs os pais chegarao ao culpado. NAO acusem a escola.

  2. Respeito ao colegio e as freiras…as ex alunas .Naoaceitamos desmoralizar onome da rscola por contra um crime q a escola nada tem ha ver. Quem matou acredito q é mais fácil o pai da criança saber, do q a escola…… Bote a cabeca pra funcionar q vcs os pais chegarao ao culpado. NAO acusem a escola.

  3. Sei que gracas à competentíssima polícia deste país (ironic mode) esse crime ainda vai sobrar para um inocente, afinal aquela história das imagens apagadas parece mais história da carochinha. Segue o jogo na república bananeira, onde policial ganha 6 mil e entrega 5% de homicídios solucionados como resposta de trabalho aos pagadores de impostos, e tem imbecil que ainda chama essa laia de “guerreiros”.

  4. Deixa eu ver se entendi, um cara derruba o portão da escola e a escola pega as imagens das câmeras e envia pra polícia, mas quando matam uma criança nas dependências da escola ai chamam um cara e mandam apagar as imagens! Depois acham suficiente dizer que “a direção” não tem nada haver com isso?

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome