Greve dos servidores do Judiciário baiano tem adesão em Juazeiro

0

Os trabalhadores da justiça baiana iniciaram uma greve geral por tempo indeterminado da categoria, na segunda-feira (19). A suspensão das atividades ocorre devido ao recuo do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) na negociação que vinha tratando com os representantes dos servidores. A paralisação afeta os juizados especiais, da Infância e Juventude e as secretarias do Tribunal de Justiça em todo o Estado. Os servidores que trabalham em Juazeiro também cruzaram os braços.

Os principais pleitos dos servidores são o pagamento do reajuste linear, da correção da tabela do Plano de Cargos e Salários (PCS), da Vantagem Pessoal de Eficiência (VPE) – antiga GEE – para os servidores que não recebem esse benefício e os passivos devidos pelo TJBA, além regulamentação das férias e tratamento isonômico entre todos os membros do Tribunal. A greve é liderada pelo Sindicato dos Servidores dos Serviços Auxiliares do Poder Judiciário do Estado da Bahia (Sintaj). O Tribunal informou que está negociando com a categoria.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome