Greve dos caminhoneiros: BRs 407 e 428 serão interditadas a partir hoje

por Carlos Britto // 25 de julho de 2021 às 11:37

Foto: Reprodução

Aderindo à greve nacional prevista para este domingo (25), caminhoneiros de Petrolina anunciaram, por meio de um vídeo gravado ontem (24), que irão fechar os acessos às BRs 407 e 428 a partir da meia noite de segunda (26).

Os grevistas de todo país criticam o governo federal, por não propor medidas que viabilizem a redução do preço do óleo diesel, e a Petrobras, por manter a política de preços. Além disso, reclamam da forma como foi aprovada a Medida Provisória (MP) 1.051, que cria e regulamenta o Documento Eletrônico de Transporte (DT-e). Tal documento unifica cerca de 20 documentos exigidos para operações de transporte de carga.

Em nota oficial, a Associação Brasileira de Condutores de Veículos Automotores (Abrava) afirmou que não vai apoiar a paralisação de caminhoneiros de hoje, pois acredita que a reivindicação contra a alta de preços, em especial de combustíveis, deve mobilizar mais setores da sociedade. Para a Abrava, uma greve “mais ampla” poderá chamar a atenção das autoridades, já que o valor do diesel está maior hoje do que em 2018, quando a primeira paralisação nacional aconteceu. (Confira aqui o vídeo)

Greve dos caminhoneiros: BRs 407 e 428 serão interditadas a partir hoje

  1. Marcos disse:

    Os países de grande extensão territorial como o Brasil, investiram em ferrovias e hidrovias, enquanto o nosso priorizou as rodovias, o resultado é este, ser refém de caminhoneiros.
    Agora aprenderam ameaçar, o resultado é este aí.
    Este país chegou ao fundo do poço, todos pensam de tirar a casquinha, mas os nobres caminhoneiros apoiaram na grande maioria o imbecil do mito, deveriam estarem felizes da vida.

  2. Paulo disse:

    O maior inimigo dos caminhoneiros são eles mesmos e.um tentando prejudicar o outro em vinte anos que trabalho com caminhonete nunca vi tanta desunião como nos caminhoneiros.

  3. Paulo disse:

    Caminhoneiro.

  4. O PENSADOR. disse:

    Quem mais cobra imposto dos combustíveis são os Estados, isso sem fazerem nada, isto é, eles não produzem o Diesel, nem transportam, nem armazenam e nem vendem o combustível, mas levam a maior fatia do bolo com o ICMS. Vamos baixar o ICMS para 10%. Receber 10% sem fazer nada já é muito. Só da Energia Elétrica que todos pagamos, o Governo Estadual leva 34%, isso é um absurdo.

  5. Jair Lima disse:

    Greve melancia. Não durou meia hora e já foi debelada em todo o Brasil. Os caminhoneiros estão com Bolsonaro. Eles sabem que a culpa maior é dos Estados com ICMS confiscatórios.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *