Governo federal determina extinção da superintendência do Incra em Petrolina

28

Entre a extinção da Superintendência do Incra do entorno de Brasília e a de Petrolina, no Sertão do São Francisco, o Governo preferiu extinguir a de Pernambuco. O anúncio do seu final será feito na próxima segunda-feira (23). Padrinho da indicação do superintendente Bruno Medrado, ex-vice prefeito de Santa Maria da Boa Vista, também no Sertão, o deputado Augusto Coutinho confirmou ao Blog do Magno que já foi comunicado da decisão governamental.

A base do Incra em Petrolina  tem o dobro da titulação de terras do Distrito Federal. Não há razão para Pernambuco ter perdido essa queda de braço que não seja o não alinhamento do governo federal com o estadual. “Foi vingança”, traduz uma fonte ligada ao governo federal.

Com o fim da Superintendência do Incra de Petrolina, os cerca de 50 servidores de carreira do órgão terão que optar em atuar na Superintendência de Salvador ou Recife. O governo não levou nem em consideração o fato de a Superintendência estar localizada na terra do líder do seu Governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB), pai do prefeito Miguel Coelho. O senador já foi comunicado oficialmente do ato.

28 COMENTÁRIOS

    • O impacto econômico e social será grande. A importância dessa representação do INCRA na região vai além de gestão, é questão de humanidade. O público da Reforma Agrária vai perder esse importante Órgão.

    • O impacto econômico e social do fechamento da Unidade do INCRA em Petrolina é gigantesco. Os assentados ficarão sem uma base de apoio, pois terão que se deslocar cerca de 700km. No momento atual temos uma agravante: o corona vírus. Os servidores serão tranferidos e os temporários sem salários numa situação de incerteza dessa. Oremos.

  1. Realmente a democracia é algo muito bonito! Primeiro a pessoa tem o direito de não estudar e ver que o INCRA, não é só responsável pela reforma agrária que buscou retirar terras não utilizadas por grandes latifundiários para a população gerando assim equidade porque não deu só a terra mas condições para o trabalho! Não estudou o suficiente para saber que o INCRA é responsável pela titulação de inúmeras terras que garantem condições dignas para inúmeros agricultores da agricultura tanto Cerqueira quanto irrigada muitos deles nem sem terra são!! Não estudou para saber que existem inúmeros dados e informações importantes que o INCRA de Petrolina armazena que fica a poucos passos da população e que se um agricultor do interior de Petrolina quiser algo terá que ir até Recife ou pagar um absurdo para um despachante que vai explorar esse mercado! E que esse despachante vai ser um funcionário informal que dificilmente vai está na legalidade junto a previdência! E muitas vezes o pequeno agricultor do cerqueiro vai perder suas terras para os grileiros… Fora a perseguição com a região… O MST no governo passado errou sim! Mas nem tudo gira em torno deles!!! Vamos deixar de ser gado de qualquer dos lados e pensar em nossa região e em nosso desenvolvimento!

    • A missao institucional do INCRA é tão linda e complexa , que talvez você não entenda. Você deveria abandonar esse preconceito e buscar se informar sobre o papel do Órgão.
      O que agrega criticar um movimento social? Destilar ódio conta movimento, gestão e pessoas não vai mudar seu status. Tenhamos uma postura sublime e vamos buscar juntos com o governo uma solução.

  2. Parabéns Bruno Medrado por levar isso no seu curriculum: conseguir rebaixar o INCRA na sua gestão juntamente com seus asseclas. Isso mostra o quanto vc é … politicamente e na sua administração.

    • Jorge você tá confuso ou não leu a notícia . Essa medida foi do governo federal e não da gestão local. O nosso presidente está buscando adequar orçamento as demandas no contexto nacional.

    • Além de gado é desinformado.
      O INCRA não servia somente para o MST, todo produtor rural para conseguir crédito no banco do nordeste precisa do certificado do INCRA.
      O pequeno produtor para comprar o carro com o desconto de produtor rural ele precisa do certificado do INCRA.
      O trabalhador rural para se aposentar como trabalhador rural ele precisa do certificado do INCRA.
      Compra e venda de terra, o cartório não documenta sem o certificado do INCRA.
      O pequeno produtor sempre teve assistência técnica do INCRA.

      Vivemos em uma região que precisamos muito das nossas terras, como iremos manter as atividades sem o suporte do INCRA na cidade?

      Vai pastar GADO e nunca se esqueça que gado defeca somente pelo rabo e não pela boca.

  3. Ótimo, falta agora a Codevasf, quintal de manobra de político e mamadeira de empresário capacho de político. Falam que o agronegócio brasileiro é um dos mais rentáveis do mundo, eles que paguem integralmente pela água e energia que usam.

  4. Inacreditável isso, porém esperado, infelizmente muitos acreditaram nesse governo. Muita perseguição
    com o nordeste, me preocupa o que poderá acontecer ainda nos próximos dois anos.

  5. ADOREI!!! quero ver essa turminha de servidores petistas sem o DAS, sem suas vantagens. Falam tanto mal do gorverno q nao tiveram a vergonha na cara de entregar os cargos. O sr Superintendent, so fazendo a politicagem dele, quando nao ta viajando, ta recebendo a gangue do mst no gabinete. Segunda feira é dia d comemorar. Vamos comprar os fogos pessoal. Kkk

    • Das confesso que não sei o que é, mas mesquinhez é a representação do seu comentário. Lamentável existir uma pessoa tão desprezivel assim. Estamos discutindo uma situação coletiva e social e você querendo comemotar demissão de servidores.

  6. Esses órgãos Federais improdutivos e que só dão prejuízos ao contribuinte, pagam altos salários a funcionários que não contribuem em nada com o desenvolvimento do pais. Sudene, Codevasf, Embrapa, Incra tem que acabar tudo, só servem de moeda de troca para políticos sujos. Sem querer me alongar muito essa Sudene, nunca prestou pra nada desde 50 anos atrás ela financia até empresários comerciantes apadrinhados por políticos ,tem motoristas que ganham mais que um médico, sem contar as regalias e improdutividade. .

    • Edilberto não conhece a missão institucional dos Órgãos citados. A abrangência das políticas públicas é tão grande que você não alcança nem na leitura. Não consigo imaginar a região do São Francisco sem atuação da CODEVASF, EMBRAPA, INCRA e o pioneirismo da SUDENE.

  7. Pois é, os servidores concursados serão transferidos. E os funcionários? Os empregos temporários? Esse INCRA faz a diferença na região no cumprimento de sua missão institucional e no efeito multiplicador de emprego e produção de assentados. A capilaridade do INCRA Petrolina é imensa.

  8. Edilberto não conhece a missão institucional dos Órgãos citados. A abrangência das políticas públicas é tão grande que você não alcança nem na leitura. Não consigo imaginar a região do São Francisco sem atuação da CODEVASF, EMBRAPA, INCRA e o pioneirismo da SUDENE.

  9. Marta que fique bem claro, não sou contra o funcionário Federal, tenho um irmão que trabalha mesmo aposentado em uma empresa Federal faz 40 anos, não querem libera-lo por ser muito competente. Mas o que mais revolta é que estas empresas poderiam servir melhor ao contribuinte, mas não passam de cabides de empregos (tais comissionados) e objeto de manobras de políticos sujos para defender interesses desses pilantras. Como exemplo a CODEVASF, veja a briga de grupos de políticos da região pela presidência do órgão, acho que deveria ser um funcionário de carreira concursado. Moro a pouco mais de 50 anos em Petrolina e, conheço uma área nobre e bastante extensa de Petrolina, embargada pela justiça que foi de propriedade de um grupo de empresários da região e também políticos, que obtiveram financiamentos irregulares e nunca pagaram da SUDENE para investir no comércio e em várias outras áreas, resumindo deram “UM CANO NA SUDENE” isso tem mais de 30 anos e vai rolando na justiça, lá tem uma placa pra quem quiser conferir. Vou para por aqui porque é muito extenso o numero de irregularidades.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome