Governo de Pernambuco anuncia estratégia para recolher e identificar passageiros do AF 447

por Carlos Britto // 03 de junho de 2009 às 09:29

fotoA Secretaria de Defesa Social de Pernambuco (SDS-PE) anunciou a estratégia montada para realizar os trabalhos de identificação das vítimas da queda do avião da Air France. 228 pessoas, entre elas 57 brasileiros, estavam na aeronave que desapareceu dos radares no último domingo (31 de maio).

Por determinação do Ministério da Defesa, Pernambuco vai ser responsável pelo recolhimento e identificação dos corpos dos passageiros do voo AF 447.

Nesta quarta-feira (3), uma equipe do Instituto de Criminalística (IC) deve viajar para o arquipélago de Fernando de Noronha. O anúncio foi feito pelo secretario de Defesa Social, Sevilho Paiva, e o gerente da Polícia Científica, Francisco Sarmento (à direita na foto), durante uma entrevista coletiva.

A equipe será formada por quatro profissionais: um médico legista, um auxiliar, um perito criminal e um datiloscopista, encarregado de colher as impressões digitais. Os nomes deles não foram divulgados.

“Nós vamos primeiro ordenar os corpos ou fragmentos que podem ser encontrados, tentar identificar das formas iniciais possíveis aqueles que tiverem algum documento, por exemplo, inclusive colocando as informações que podem ajudar, como as vestimentas das pessoas”, explicou Francisco Sarmento.

O que for achado naquela região será trazido para o Instituto de Medicina Legal (IML) no Recife. O secretário de Segurança Pública Servilho Paiva (à esquerda na foto) afirmou que, nesse momento, não será preciso fazer mudanças na rotina do IML.

A Polícia Federal deve ajudar a coletar as informações com as famílias das vítimas para auxiliar na identificação dos corpos. “A ilha será a base e nós estamos preparando um ambiente para ajudar na investigação”, disse.

Fonte: pe360graus

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *