Galhos secos bloqueiam avenida na Vila Eulália há mais de uma semana e moradores cobram providências

1

Comunitários que residem na Avenida 3 do Bairro Vila Eulália, zona norte de Petrolina, andam aborrecidos com um problema na vizinhança. Há mais de uma semana, uma quantidade de galhos secos de árvores está bloqueando a avenida e causando transtornos a quem mora ou tem estabelecimento comercial por ali.

De acordo com o presidente da Associação de Moradores da Vila Eulália, Pedro Caldas, o responsável seria o proprietário de um terreno na avenida, que mandou limpar a área e todo esse entulho foi despejado no meio da via pública.

Vizinhos informaram a Pedro Caldas que o dono do imóvel é um conhecido músico, que não mora mais na cidade. “Ele comprou o terreno para especular, murou o terreno, mas agora pagou uma pessoa para limpar e essa pessoa jogou tudo na avenida, que é uma avenida movimentada e de comércio na Vila Eulália. É preciso fazer alguma coisa, porque se os vândalos tocarem fogo nesse mato seco, vai acabar pegando nas árvores do canteiro central. Então, isso é um absurdo”, desabafou.

Cobrando providências urgentes da prefeitura, Caldas disse que “é inadmissível” a administração municipal não notificar essas pessoas que sujam a cidade. “É preciso que a fiscalização seja mais eficaz na hora de notificar essas pessoas”, completou. Sobre o assunto, a reportagem entrou em contato com a pasta de Serviços Públicos.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome