Fotojornalismo nas Trincheiras

por Carlos Britto // 20 de fevereiro de 2009 às 16:00

Ele é considerado um dos principais fotógrafos de guerra no mundo. Viveu intensamente, escolheu a fotografia como sua forma de amar. Morreu segurando sua câmera durante a Guerra Francesa no Vietnã ao pisar em uma mina, em 1954. Sua morte foi conseqüência do próprio lema: “se as fotografias não são suficientemente boas, é porque não se está suficientemente perto”.

O seu nome é Robert Capa e seu trabalho pode ser apreciado no Mural Galeria Fotógrafo Euvaldo Macedo Filho, no Departamento de Ciências Humanas, na UNEB, em Juazeiro, a partir da proxima quinta-feira (26/02) a 11 de março, no horário das 8h às 22h.

A exposição Robert Capa: Fotojornalismo nas trincheiras inclui imagens de guerras do século XX. As 24 fotografias da mostra contêm fotos capturadas por Capa durante a Guerra Civil Espanhola e a Segunda Guerra Mundial, entre outras.

Fonte: Cecílio Ricardo e Silvana Costa, Graduandos em Jornalismo  e responsáveis junto a Flavio Ciro pela curadoria da Exposição.

Fotojornalismo nas Trincheiras

  1. Chatonildo disse:

    Estou com vontade de ver essa exposição fotográfica. Só não sei se vou até a UNEB de Salvador, Vitória da Conquista, Barreiras, Ilhéus….em alguma delas devo encontrar. Ficaria mais fácil se a reportagem fosse completa e deixasse isso claro. Um detalhe importante que até Che Guevara apreciaria saber, suponho.

  2. Chatonildo disse:

    Há bom!!!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *