Floresta: Gustavo Novaes reunifica família, recebe apoio de aliados e lança pré-candidatura a prefeito

1
Foto: Ascom/divulgação

Com o apoio de sete vereadores, suplentes, inúmeros pré-candidatos à Câmara Municipal, e tendo conseguido unificar toda a família em torno de um projeto de desenvolvimento para Floresta (PE), no Sertão de Itaparica, Gustavo Novaes deu a largada para disputar a prefeitura do município em 2020 com um grande ato realizado sábado (9) na cidade.

O projeto de desenvolvimento para Floresta, que vive a pior crise política e financeira de sua história, tem no seu DNA a liderança do deputado estadual e secretário de Turismo de Pernambuco, Rodrigo Novaes, principal nome da política na região e um dos mais representativos do Estado.

A articulação conseguiu reunir o grupo que disputou a eleição em 2016 em terceira faixa. Além dos sete parlamentares, abraçaram o projeto lideranças da família Novaes e de diversos partidos, incluindo o PT; o que dá à aliança um caráter suprapartidário e acima de questões políticas menores, sempre tendo o bem do povo florestano em primeiro lugar.

Essa união acabou deixando a ex-prefeita Rorró Maniçoba sem condições de disputar a prefeitura com a bandeira da oposição, tendo em vista que o pleito de 2020 será polarizado entre os Novaes e os Ferraz. O atual prefeito, Ricardo Ferraz, é o pior gestor da história de Floresta. De acordo com pesquisas de opinião, o prefeito é rejeitado por incríveis 80% da população.

Desafio

Animado com o desafio, Gustavo acredita que a hora da mudança está chegando. “Estou confiante. Floresta está passando por uma situação nunca vista. Recebo o apoio de tantas lideranças com a responsabilidade de recolocar Floresta nos trilhos, ao lado do nosso governador Paulo Câmara e do deputado Rodrigo Novaes”, pontuou. “O grupo está fortalecido. Reunimos quem antes esteve distante: pré-candidatos, sete vereadores, todos unidos no mesmo sentimento de quem não aceita o que estão fazendo com o município. À frente disso, Gustavo, um candidato com grande aceitação popular e que representa o novo. O momento é bom. Vamos em frente”, pontuou Rodrigo.

1 COMENTÁRIO

  1. Pronto agora mas uma família pra tomar conta de uma cidade,o povo tome cuidado quando uma família se unem com interesses na política irão tomar conta de tudo,só tem pra eles o povo que se lasque.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome