Fim dos jornais da TV São Francisco pega telespectadores de surpresa; mais de quinze profissionais são demitidos

4
Priscila Guedes está entre os demitidos. (Foto: Reprodução/TV São Francisco)

Os telespectadores da TV São Francisco/Rede Bahia não puderam assistir ao BATV desta segunda-feira (6). Muitos estão até agora sem saber o motivo, já que não foi divulgado nenhum comunicado de que o telejornal não iria ao ar neste início de semana. O BATV do último sábado (4) foi o último. Isso mesmo, o último. A emissora extinguiu o jornal noturno e também o Jornal da Manhã, que teve sua última edição hoje.

Além disso, mais de quinze funcionários foram demitidos, entre jornalistas, cinegrafistas e outros colaboradores. A TV Bahia divulgou um comunicado justificando que o desligamento de profissionais da emissora faz parte de “um novo modelo de produção de conteúdo” e que agora “equipes de reportagem vão produzir matérias que serão exibidas para todo o estado pelo ‘Jornal da Manhã’, ‘Bahia Meio Dia’ e ‘BATV’, através da TV Bahia, em Salvador”. A emissora agradeceu aos colaboradores “pelo tempo dedicado e pelo trabalho realizado“.

O mesmo aconteceu com boa parte dos profissionais da TV Oeste, em Barreiras. Mas a TV Bahia afirma que “as emissoras seguem apoiando as manifestações culturais das suas regiões e dando visibilidade e cobertura para assuntos de interesse da comunidade“. Será?

O prefeito Paulo Bomfim e a assessoria de Comunicação da Prefeitura divulgaram uma nota comentando o caso. “Diante deste terrível anúncio, o prefeito Paulo Bomfim e a Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Juazeiro se solidarizam com os trabalhadores demitidos e lamenta o fim do BATV e do Jornal da Manhã. Mesmo em campos opostos, entendemos a necessidade deste instrumento de comunicação para o desenvolvimento da sociedade sanfranciscana. Um espaço que a comunidade dispunha para fazer suas reivindicações, ou publicizar as boas ações governamentais“, diz.

Sede da TV São Francisco, no bairro Santo Antônio. (Foto: Divulgação)

Histórico

A TV São Francisco existe há cerca de 30 anos, sendo um divisor de águas na história da Comunicação no Vale do São Francisco. “Exportou” para todo o país profissionais de categoria. E continuava mantendo uma boa equipe. A notícia do encerramento dos telejornais se espalhou rapidamente nas redes sociais e muita gente lamentou a situação. Para os profissionais da área, o fim dos jornais da emissora representa um retrocesso. Este Blog, inclusive, se sensibiliza com a equipe demitida.

4 COMENTÁRIOS

  1. Culpa da caça às bruxas perpetrada pela oposição e a lava jato para tirar o PT do governo, nem que custasse a destruição e ofechamento de milhares de empresas e milhões de empregos. Aquele velho ditado: “os fins justificam os meios”. E antes que me ataque, não sou eleitor desse partido ideológico. Sou contra ideologias, seja de esquerda ou de direita.

  2. É uma pena. Todos sabemos q os jornais de Salvador não darão a atenção necessária para a região.

    Moro em Petrolina e trabalho em Juazeiro, como muitas pessoas da região. Existem os q moram em Juazeiro e trabalham em Petrolina. Por isso, acho importante saber notícias das 2 cidades.

    Acho q o jornalismo da TV Grande Rio deveria passar a noticiar também a região do Vale do São Francisco q fica do lado da Bahia. Todos nós ficariamos atualizados sobre essa região tão expressiva no cenário nacional.

  3. A TV Grande Rio bitolada do jeito que é não vai passar nenhuma notícia importante. Aliás, como já não assisto esse canal há muito tempo, eles ainda continuam passando receitas culinárias no GRTV?
    Parabéns ao jornalismo sério que hoje está na internet e não em grupos empresariais e de mídia, que só pensam em lucrar e não têm nenhum compromisso com a população. Mais uma vez a internet vem quebrando paradigmas e valorizando a democracia. Chega de sermos bitolados a meia dúzia de emissoras de TV e seus conteúdos alienadores.

Deixe uma resposta para Realista Cancelar resposta

Comentar
Seu nome

2 × 3 =