Ex-diretor da UPE Petrolina engrossa o tom contra Governo do Estado e tacha de “mentirosa” propaganda veiculada na TV

3
Moisés Almeida (Foto: Reprodução Facebook)

O ex-diretor do Campus Petrolina da Universidade de Pernambuco (UPE), Moisés Almeida, divulgou nas redes sociais um texto criticando uma propaganda do Governo do Estado que informa sobre o crescimento de Pernambuco acima da média. Na publicação, o professor engrossa e diz a propaganda é “mentirosa” e apresenta números relacionados à segurança pública e investimento na educação superior.

Acompanhe:

O Governo de Pernambuco está com uma propaganda passando na televisão, informando a população o crescimento do Estado acima da média brasileira. Como é ano de eleições, tenho a impressão de que o governador será candidato à reeleição, por isso, mais uma vez somos bombardeados com propagandas que não condizem com a realidade. Vou citar três dados sobre Pernambuco na administração de Paulo Câmara:

  1. Segurança pública: número de homicídios durante seu governo:

2015 – 3.889 (aumento de 13% em relação a 2014)

2016 – 4.479 (aumento de 12,5% em relação a 2015)

2017 – 5. 427 (aumento de 21,5% em relação a 2016)

  1. Educação Superior

Investimento na Universidade de Pernambuco Campus Petrolina:

2014 – R$ 2.422.910,42

2017 – R$ 1.721.427,20 ( – R$ 701.483,22)

  1. Aumento salarial para técnicos administrativos e docentes da UPE

2015 – 0%

2016 – 0%

2017 – 0%

Outro segmento que deve questionar essa propaganda é o setor de fornecedores ao Governo do Estado. Enquanto estive gestor da UPE Campus Petrolina, tivemos fornecedores que passaram mais de doze meses para receber pelo serviço prestado. Esse o governo que cresce acima da média? Crescimento para quem mesmo? Em ano de eleições, infelizmente vale tudo.

Moisés Almeida/Ex-diretor da UPE Petrolina

PS: O Blog deixa o espaço reservado ao Governo do Estado, caso queira se pronunciar sobre as declarações.

3 COMENTÁRIOS

  1. Bem não é necessário ser especialista em números para ver que a propaganda não condiz com a realidade do estado. Sabemos que é propaganda de quem quer se reeleger.

  2. INDIGNAÇÃO SELETIVA COMO TODO PETISTA-COMUNISTA!!!!
    Quando era diretor da UPE a Dilma retirou 10 bilhões da educação E ELE NÃO DISSE UM PIO, COMO TODOS OS QUE HOJE REPETEM O IDIOTA JARGÃO DO “FORA TEMER”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome

13 + vinte =