Esposa ateia fogo no pênis do companheiro por vingança

por Carlos Britto // 26 de maio de 2009 às 06:38

O aposentado Francisco Carlos Tomás Ferreira, 44 anos, foi atendido no Hospital da Restauração (HR), área central do Recife, no domingo (24), depois de ter o pênis queimado pela companheira.

De acordo com a polícia, Irene Barbosa da Silva confessou ter jogado álcool e depois ateado fogo, enquanto o marido dormia, na residência deles, no bairro do Ibura.

O motivo teria sido uma traição. Francisco Carlos Tomás foi medicado e já recebeu alta da unidade de saúde.

Se a moda pega…….

Fonte: JC Online

Esposa ateia fogo no pênis do companheiro por vingança

  1. Tô ligado disse:

    Imagina se a moda pega. Este é mais um caso em que se PODE por analogia aplicar A LEI MARIA DA PENHA, esta mulher certamente poderá ser PRESA IMEDIATAMENTE. Ah! vocês podem pensar, mas esta lei não é aplicada somente nas agressões dos homens as mulheres? NEGATIVO, a recíproca é absolutamente verdadeira, vocês lembram que a CONSTITUIÇÃO deu a igualdade dos sexos, então vamos usá-la também para as agressões das mulheres contra os maridos. FIQUEM DE OLHO…

  2. PAULA CAZÈ disse:

    KKKKKKKKKKKKKKKKKKKK! BOA COISA ELE NAO FEZ…POR ISSO NAO PROVOQUEM…..É COR DE ROSA CHOQUE,LITERALMENTE CHOQUE…

  3. Washington Marins disse:

    Esse aí num vai fazer sexo nem tão cedo!! kkkkkkkkk Traumatizadoo! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk… Se a moda pega… eu estaria “inteiro”!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  4. leandro benicio disse:

    O casal já fez as pazes… confira no jornal AQUIPE de hoje.

  5. A propósito... disse:

    Essa maldita não podia atear fogo num braço do cara? numa perna, ou mesmo num quiba que o sujeito tem dois de cada? vai queimar loga o bigulim que só tem um. ah miserável!!!! se a moda pega vai churrasco de calabresa até umas horas.

  6. Entendido disse:

    De repende ela queria experimentar assado. São fantasias que somente Froide explica. Quem sabe ele queira tomar tomar chimarrão naquela concha!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *