Entrevista do Blog: Rosalvo Antônio fala de propostas de governo e destaca “mandato popular e interativo”

7

RosalvoO Blog recebeu nesta segunda-feira (11) o terceiro convidado para a série de entrevistas com os candidatos da proporcional. Desta vez, foi o candidato do PSOL, Rosalvo Antônio, quem falou sobre seus planos para um possível mandato na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe).

Professor de história e técnico em saneamento, Rosalvo falou em ter um “mandato popular” e explicou os motivos pelos quais persiste na luta a fim de conquistar um cargo eletivo.

Blog – Por que você é candidato quando muitos criticam e dizem que você nunca consegue uma votação expressiva? Por que a insistência?

R.A – Eu sou convocado pelo meu partido e não só em Petrolina. Eu sou convocado a nível do Estado e com isso nós representamos um projeto de sociedade. Estamos ai, mais uma vez, por uma convocação do partido, uma convocação da população na rua. Nós temos repetido por diversas vezes que existiu em Petrolina, por exemplo, dois projetos: o deles e o nosso. E nós estamos observando que o mesmo está ocorrendo em nível de Pernambuco. Daí a importância da gente estar na política representando um novo projeto onde vai buscar a inclusão da maioria do nosso povo que está excluído do acesso aos bens e serviços. Estão excluídos por este sistema capitalista que concentra renda e riqueza e deixa a maioria da população à margem da sociedade, marginalizada.

Blog – O que você diria às pessoas que afirmam que este é um discurso antigo? Você acha que a população entende esta linguagem?

R.A – A população está absorvendo a nossa mensagem. Tanto que você vê a revolta do povo na rua, a partir de junho do ano passado a população foi protestar buscando políticas públicas de inclusão social, buscando ética na política e isso é o que a gente defende historicamente. Portanto, isto está atualizadíssimo.

Blog – Que bandeiras você pretende levar para a Assembleia em defesa do povo?

R.A – Principalmente fazer um mandato popular. Um mandato onde as pessoas possam interagir isto nós vamos representar a população de Petrolina de Pernambuco da região do São Francisco. O povo é quem tem que dizer quais são as suas reais necessidades. Obviamente nós temos nossa bandeira da educação, da cultura, do meio ambiente, em fim, todas as políticas que são fundamentais, mas buscando um viés da igualdade social, da justiça e da fraternidade.

Blog – Rosalvo como você avalia o mandato de outros parlamentares daqui da região do São Francisco.

R.A –  Uma avaliação pífia você vê que os mandatos eles tem sido muito mais cumpridores de ordens dos governos que estão ai do que propriamente defender a bandeira da população e é isso que nós estamos comprometidos com esta causa com esta luta para dizer a população que agora chegou a nossa vez. Vamos juntos porque não há solução sem que a população haja. Se você foi para a rua protestar, se você não concorda com o que está ai é hora de votar para que possamos representa-los com sua participação na Assembleia Legislativa de Pernambuco.

Blog – O que te dá convicção sobre uma possível vitória desta vez. O que esta campanha tem de diferente das outras?

R.A – Agora a população quer real mudança. E desta vez nós temos convicção de que seremos vitoriosos com a participação de vocês. Com o seu compromisso de estar nos elegendo para que nós possamos representa-los juntamente, buscando um mandato transparente e participativo e lutar para que as instituições públicas possam de fato estar atendendo aos seus interesses. Atendendo as necessidades reais e básicas da população.

Blog – Qual é a sua chapa completa?

R.A – Rosalvo para deputado estadual, nós temos o nosso governador José Gomes, a nossa presidenta da república Luciana Genro, e estamos fechando com dois companheiros federais um aqui em Petrolina, Mariozinho Ribeiro e o Paulo Camelo no agreste setentrional, Garanhuns, Escadinha, juntamente com os amigos de Recife e Olinda que estão engajados em nossa campanha.

Blog – Rosalvo você já foi candidato a prefeito de Petrolina e que avaliação você faz do governo Julio Lossio?

R.A – A Avaliação não só de agora, mas desde o primeiro mandato que nós temos feito vários questionamentos. Não existe de fato um governo forte no sentido de defender políticas de estado é isso que nós também vamos defender na Assembleia. Porque quando a gente implementa políticas de estado vai ser beneficiado não só Petrolina, mas vai ser beneficiado a região o Estado de Pernambuco e o próprio Brasil vai ganhar com isso.

Blog – Como professor, o que você traz de propostas para a educação?

R.A – É estar junto com os professores na sua luta por melhores condições de salários, de condições dignas de trabalho e buscar também uma educação onde faça as pessoas refletirem, pensarem e serem construtores da sua própria história. Porque sem isso a educação servirá apenas como uma forma de manipulação e dominação deste sistema que está aqui explorando e excluindo o nosso povo.

Blog – Candidato, as suas considerações finais.

R.A – Moro em Petrolina há quarenta e três anos, vim de Belém do São Francisco, sou licenciado em história, técnico em saneamento. Diversas experiências, fui conselheiro estadual das cidades, presidente do Conselo Municipal de Saúde de Petrolina, presidente do PSOL de Petrolina. Tive uma participação coo técnico na maior obra, da época, construção de xingó. Em Petrolina atuo como técnico na área de saúde, fui um dos responsáveis pela vinda do Cerest que atende mais de vinte municípios. Então nós vamos fortalecer esta luta, e chamar os movimentos sociais a população e as pequenas empresas que possam estar fortalecendo este mandato que vai levar as reivindicações do povo para a Assembleia Legislativa. E se você quer de fato mudar, não anule seu voto, não vote em branco, deposite sua confiança em Rosalvo.

7 COMENTÁRIOS

  1. AVANTE, ROSALVO!!!. UM GRANDE HOMEM, GRANDE SER HUMANO QUE SE PREOCUPA COM AS CAUSAS POLÍTICAS…QUE DIFICILMENTE IRÁ SE CORROMPER PELA POLÍTICA SUJA DO NOSSO PAÍS. BOA SORTE.

  2. Só o caso de Rosalvo não ser das oligarquias e famílias dominantes que querem o poder a todo custo, não importando quanto tiverem que gastar sendo que estes valores foram frutos de corrupções, desvios etc .. Cito aqui que na ultima gestão de um certo candidato veio para Petrolina uma verba de 8. milhões de reais através da Codevasf para construção do sistema de esgoto nos Bairro Jatoba, Henrique Leite, Idalino e parte do centro da cidade e que foi jogado no ralo ou melhor não foi pro ralo não foi para o bolso de alguém quem sera? Petrolina é uma cidade não mais um curral eleitoral dos coronéis por isso precisa de pessoas que pensem no coletivo e na cidade e não nos parentes e paniguados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome