Em reunião na sede do Sinpol, centrais e movimentos sindicais pernambucanos planejam calendário de lutas contra reforma da previdência estadual

2
Foto: divulgação

Representantes de centrais sindicais e movimentos sociais de Pernambuco se reuniram hoje (26) no Recife para debaterem estratégias a serem desenvolvidas contra a reforma da previdência estadual, enviada à Assembleia Legislativa (Alepe) pelo governador Paulo Câmara. O encontro aconteceu na sede do Sindicato dos Policiais Civis (Sinpol) do Estado, que idealizou a mobilização.

Segundo as entidades, o projeto “representa ameaça à perspectiva de aposentadoria de milhares de trabalhadores do serviço público estadual”. Além disso, teria sido apresentado sem haver qualquer diálogo, inclusive com o Fórum dos Servidores Estaduais.

Na reunião de hoje, as centrais e movimentos sindicais também encaminharam a realização de uma plenária ampliada para construção do calendário de lutas contra a reforma da previdência estadual, que acontecerá no próximo dia 3/12, às 18h, na sede do Sinpol, localizada à Rua Frei Cassimiro, 179, Santo Amaro.

2 COMENTÁRIOS

  1. OS governadores do nordeste são uma piada, fugiram da reforma da previdência federal se mostrando contra e agora vem dando uma de João sem braço para fazer a reforma estadual. KKKKK

    E tem gente que ainda acredita nesse papo de luta social pelos direitos dos trabalhadores…

    Viva o socialismo!!! KKK

  2. O simpol pode se esperniar, porque o estado e os municipios precisam seguir sim a agenda positiva do governo federal, tem que ser feito reforma previdenciaria em estados e municipio, reforma tributaria, reforma administrativa, ou enchuga e desaparelha a maquina publico ou o povo continuará pagando caro por isso.

Deixe uma resposta para Carlos Amorim Cancelar resposta

Comentar
Seu nome