Em reunião com integrantes da Frente Brasil Popular, prefeito de Juazeiro respalda greve geral marcada para dia 14/06

9
Foto: Ascom PMJ/divulgação

O prefeito de Juazeiro, Paulo Bomfim, recebeu em seu gabinete nesta sexta-feira (7), representantes da Frente Brasil Popular. Vice-presidente da União dos Prefeitos da Bahia (UPB-BA), ele manifestou apoio à greve geral marcada para ocorrer em todo o país na próxima sexta-feira (14).

O modelo de reforma da Previdência apresentado pelo governo federal tem sido tema de debate e motivo de luta das entidades trabalhistas pelo país. “Desde já estamos engajados na preparação da greve geral, tão necessária para impedir a aprovação do desmonte da previdência pública e, principalmente, para a retomada de um governo das forças democráticas, que priorize o crescimento econômico, o crédito para o trabalhador, a geração de emprego, a distribuição de renda, o investimento nas áreas sociais e em obras públicas. Os servidores municipais não serão reprimidos, em hipótese alguma, caso queiram participar da paralisação“, afirmou Bomfim.

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Emerson Mitú, observa que a reunião com Paulo Bomfim teve como foco reforçar a adesão da UPB. E aqui em Juazeiro contamos com um prefeito que é parceiro dos movimentos sociais. “O país passa por um momento de grande dificuldade, principalmente nas áreas de educação e previdência. No dia 14 teremos mais um dia de mobilização e esperamos que toda a população se junte a nós nesse ato que não é partidário e sim em defesa da classe trabalhadora”, observa o sindicalista.

Para Fábio Cesar, que também participou da reunião representando o Sindicato dos Comerciários, o movimento sai fortalecido da reunião. “O prefeito Paulo Bomfim fortalece nossa lota e mostra a toda a população que estamos imbuídos em preservar a aposentadoria dos trabalhadores e a manutenção da economia, pois muitos trabalhadores em todo o país e, principalmente no Nordeste, vivem de aposentadoria rural. A suspensão desses benefícios pode acarretar num colapso da economia“, avaliou.

Mobilização

Na principal cidade do norte baiano, o movimento grevista terá concentração em frente ao prédio do INSS, localizado na Avenida Adolfo Viana, às 8h30. Participaram ainda da reunião o secretário de Governo Clériston Andrade e o diretor Executivo da Agência Municipal de Abastecimento (AMA), Agnaldo Meira.

9 COMENTÁRIOS

  1. Já tinha até esquecido q Juazeiro tinha prefeito,pois nem parece essa gestão q está aí há muitos anos é pura incompetência,não se ver projetos pra segurança, educação e saúde,a iluminação pública de Juazeiro faz vergonha.pense num prefeito ruim!

  2. O prefeito ao invés de trabalhar para melhorar a vida da população pagadora de imposto que esta em situação difícil em uma cidade jogada as muriçocas, no escuro, esburacadas e esgoto correndo a céu aberto, fica apoiando greve em um assunto que ele sabe que é necessário para o Brasil não quebrar.Vai trabalhar prefeito, ano que vem a gente lhe demite, pode esperar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome