Em Petrolina, agenda administrativa de Eduardo transforma-se em homenagem a Ranilson

3

ranilsonNa agenda administrativa de dois dias em oito municípios sertanejos, o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), abriu espaço em Petrolina, na tarde de hoje (10), para render homenagens a Ranilson Ramos. Um dos homens de confiança do governador, Ranilson fez provavelmente a última aparição à frente da Secretaria de Agricultura e Reforma Agrária, já que deve ocupar um cargo de conselheiro no Tribunal de Contas do Estado (TCE).

Nos discursos, todas as autoridades presentes ressaltaram o trabalho de Ranilson como secretário. Um deles foi o prefeito Júlio Lóssio (PMDB), com quem Ranilson trocou duras farpas no campo político. Em seu discurso, o prefeito deixou esse detalhe de lado para enaltecer a trajetória do seu “conterrâneo”, como fez questão de ressaltar.

Disse que o secretário começou ainda jovem a trilhar pela vida pública, alcançando uma trajetória exitosa que culminou com a indicação a conselheiro do TCE. ‘Tenho certeza que Ranilson fará justiça com o dinheiro público”, disse.

O ministro Fernando Bezerra Coelho destacou não apenas as atuais parcerias entre a pasta de Ranilson e a sua, no governo federal, com reviveu momentos nas duras caminhada políticas enfrentadas pelos dois. “Em 86 quando tomei a decisão de apoiar Arraes, contei com o apoio de Ranilson, então presidente da Câmara de Vereadores de Petrolina. Em 92, quando muitos não achávamos que ganharíamos, tive novamente Ranilson ao meu lado, que me ajudou a inaugurar um novo tempo na nossa cidade”, afirmou.

Prestação de contas

Eduardo também não mediu palavras para destacar “o trabalho profissional de Ranilson” à frente da Secretaria de Agricultura. “A política tem de servir para mudar a realidade do nosso povo. Foi isso que Ranilson demonstrou”, afirmou.

Ao prestar contas do seu trabalho, o secretário empolgou-se num longo discurso de mais de 20 minutos. Chegou, inclusive, a ficar com os olhos marejados no final. Antes disso, elencou várias ações, entre elas uma parceria com a Integração Nacional que vai liberar R$ 19 milhões. Os recursos serão suficientes, segundo ele, para irrigar 3 mil hectares da agricultura familiar no estado.

Ranilson destacou ainda investimentos na Operação Carro Pipa (entre governo federal e estadual), que garantiu a Pernambuco 1,6 veículos abastecendo as famílias do sequeiro em 122 municípios. Destes, mil são pagos pelo Ministério e 600 pelo governo do estado. “Esta é uma operação de guerra para atendermos 200 mil famílias”, revelou.

Reforma

O secretário citou ainda programas como Pernambuco Sustentável (de convivência com o semiárido) e o Água para Todos – que inclui a distribuição de cisternas. Segundo Ranilson, faltam apenas 40 mil para universalizar o programa em todo o estado.

Em Petrolina Eduardo inaugurou a reforma do Centro Agropecuário Regional, o qual abrange todos os órgãos e entidades vinculados à Secretaria da Agricultura na cidade (Adagro, Iterpe, IPA, ProRural e Mãe Coruja). Ele também assinou vários convênios referentes à Reestruturação Econômica do Meio Rural de Pernambuco. Entre eles está a de cuidar de barragens e sistemas de abastecimento que atenderão a 80 mil famílias da região. Uma equipe de técnicos, que será distribuída em duas salas no Centro Agropecuário, terá essa missão. O evento trouxe à cidade vários prefeitos sertanejos, além de deputados estaduais, federais, vereadores e dois representantes dos governos do Ceará e Alagoas.

3 COMENTÁRIOS

  1. Valeu meu primo,As coisas que você faz,com tanta compreensão e bondade,enchem de gratidão.a população hoje onde você estar e agradecimento de DEUS.nos familiares estamos todos felizes.

  2. Muito bem, achei lindo quando o prefeito Julio Lossio falou que tinha certeza de que Ranilson faria justiça com o dinheiro publico, eu também tenho essa convicção, agora é só o sr. prefeito Julio tomar vergonha na cara e seguir o exemplo de Ranilson Ramos,, pois o que presenciamos aqui em Petrolina é só falcatrua

  3. Tantas OTORIDADES para inaugurar um merreca de obra? Também, não encontraram nenhuma obra em Petrolina feito pelo Estado a inaugurar. Mais uma visita sem futuro de Eduardo Campos a nossa cidade.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome