Em nota, Movimento ‘O Vale Acordou’ repudia atos de vandalismo na ponte e reforça caráter pacífico de manifestações

27

Por meio de nota à imprensa, lideranças do Movimento ‘O Vale Acordou’ repudiaram os atos de vandalismo praticados por alguns integrantes na Ponte Presidente Dutra, na noite de ontem (3), durante protesto na Ilha do Fogo.

O Movimento reforça ainda o caráter legítimo e pacífico das manifestações, deixando claro que não compactua com atitudes como as de ontem.

Confiram:

O Vale AcordouO movimento “O Vale Acordou” vem, por meio desta nota, manifestar a sua posição diante dos episódios ocorridos na manifestação do dia 03 de Julho.

Primeiramente, é importante reafirmar o caráter pacífico do movimento, que, desde o último dia 20 de Junho vem denunciando o total descaso e cobrando ações dos gestores com os serviços públicos do Vale do São Francisco.

É necessário destacar ainda que o total descaso dos governantes com a atual situação da população do Vale, a incoerência das Câmaras de Vereadores no (não) exercício de seu poder fiscalizador, o silêncio das autoridades diante do clamor popular, dentro outros diversos problemas enfrentados no dia a dia dos cidadãos do Vale, fizeram com que os ânimos de alguns manifestantes se exaltassem, fugindo ao controle das comissões que organizam o evento.

Ressalta-se, por fim, que manifestações de violência não fazem, de forma alguma, parte das orientações ou dos posicionamentos defendidos pelo movimento tanto nos atos, quanto nas reuniões gerais e de comissão. O Vale Acordou é um movimento de caráter pacífico, que busca, através do protesto firme e veemente, mas sem violência, exigir providências do poder público municipal nas questões dos serviços públicos.

“O Vale Acordou” não compactuará com atos que ponham em risco a integridade física ou a vida das pessoas, tampouco ficará inerte diante do descaso e do silêncio dos governantes.

Movimento ‘O Vale Acordou’

27 COMENTÁRIOS

  1. Gurizada, vcs estão sendo respeitados pela POLÍCIA, pelo povo, por todos, mas, as imagens mostram que vcs riem da situação de alguns bandidos tentando invadir a ilha, vcs deveriam prender esses e entregar a autoridade competente, acho que ontem o movimento perdeu muito do carisma que o povo de PETROLINA E JUAZEIRO tinha por ele.

  2. porque vcs nao fazem a porcaria desse movimento as 7hors da manha?ha!! porque vcs ainda estao dormindo!!!!!bando de playboys desocupados.procurem outrs lugares para fazer badernas que no vale existem pessoas decentes que trabalham pra caramba.e so pra finalizar,na proxima eleiçao vendam seus votos por qualquer 30 reais ou por 2 litros de gasolina.o que se viu na ponte ontem foi vandalos e casais namorando no maior desrespeito….

    • Parabens Joelma sousa, seus comentários são pertinentes. Eu partticularmente deixo minhas crianças em casa a minha espera para dar-les jantar e me submetir a ir a pé da sementeira de Petrolina à o terminal de Juazeiro .

      • hey… tu esqueceu de retirar o mesmo nome, quando foi fazer o comentário elogiando O TEU PRÓPRIO COMENTÁRIO. Tá ligada???!!!!
        KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK
        É FALTA DE QUE AS PESSOAS APRECIEM SEUS COMETÁRIOS LESOS???
        Ou é apenas AUTOAFIRMAÇÃO??!!!!
        Tenha pelo menos o cuidado de mudar o nome pra parece que alguém no íntimo de sua burrice fosse elogiar esse “cacareco” que tu escreveu.

    • kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      Pior que quem mais vende o voto, não são as pessoas que estavam lá!!
      São os carentes de maior idade dos que lá estavam… E joelma, me diz uma coisa… as pessoas
      já estão reclamando sobre o impedimento na ponte no horário à noite… imagina se fosse de manhã???? Ai você, como boa representante dessa classe sem educação iria vir aqui e falar que o povo não tem o que fazer e fica impedindo os outros de irem trabalhar pela manhã…
      chamariam de desocupados novamente àqueles que lutam pelos SEUS direitos e faria o mesmo discurso pobre, senão pior do que esse que tá fazendo agora.
      Minha cara, tenha um teor crítico no que fala.

    • Joelma, n fale o que não sabe! Quem ve assim vc n foi pra nenhum ato e ainda quer ficar falando sem saber de nada! Na verdade vc tem mito conhecimento de causa sobre vendas de voto, ja vendeu o seu? O movimento o vale acordou luta por causa justas, que voce como cidada deveria apoiar. Os membros são jovens politizados que sabem o que querem e tem decência, vender o voto é para pessoas ignorantes, alienadas q n sabem de nada e fica julgando sem ter conhecimento de causa sobre o que é o movimento! Pense, participe das reuniões, vc tbm sera beneficiada por essa luta e ai vc tbm podera falar com conhecimento sobre o assunto. Generalizar é burrice, o movimento nada tem a ver com os atos de vandalismo e muito menos o grupo que luta pela liberação da ilha do fogo. Se vc tivesse la voce veria esses dois grupos a todo momento tentando afastar os inocentes (curiosos) da area de confronto e convencer os vandalos a pararem com o ato. Muitos foram ameaçados pelos vandalos e tbm acabaram levando bala de borracha por isso.

      • Claro que tem meu amigo, se vcs são coniventes com a baderna então vcs são baderneiros, ou será que uma minoria pode tentar algo contra a maioria, e as bombas caseiras, e os coqueteis molotov, e as mascaras na cara dos alunos, vcs foram com a intenção de fechar a ponte, mandaram levar comida e água e agora vem dizendo que repudiam o vandalismo, vcs são vandalos sim, mas num país desses só ganha notoriedade quem pratica tais atos. acho que se existir outra manifestação as PMs devem trazer o choque de Salvador e Recife, para meter bala de borracha na cara de todo mundo.

  3. Esse Exército inútil acha pouco, a quantidade de terras que ocupam no país? Só perde para a Igreja Católica, que de santa não tem nada! Juntamente com os ladrões de Portugal, que roubaram as terras dos índios, a Igreja Católica, “contribuiu” para o genocídio daqueles que zelavam pelo que era deles, e foi arrancado à força, por esses “santinhos”, cheios de boas intenções!
    Fora Exército! Quem precisa de terra é o povo! Vocês já custam muito caro à população, sem ter utilidade nenhuma!

  4. desculpe-me quem discorda, mas faço parte do coletivo amigos da ilha e não sou marginal nem drogado, minha família frequentava a ilha do fogo e não vejo lógica fechar a ilha porque os poderes públicos não conseguem resolver o problema das drogas no local.
    devemos exigir uma ação mais efetiva dos nossos gestores municipais, estaduais e federais para que o povo tenha direito ao lazer gratuito.
    muito obrigado
    a ilha do fogo é do povo!

  5. Interditar a única ponte entre os estados de PE e BA em quilômetros, por horas e horas, impedindo as pessoas do direito sagrado da liberdade de locomoção, prejudicando centenas de caminhoneiros e motoristas que tem no suor diário suas únicas fontes de renda, não é um ato de violência???

    Os caminhoneiros que fizeram protestos em São Paulo foram muito mais conscientes que estes manifestantes da ponte, porque não impediram a passagem nas rodovias bloqueadas de ônibus, carros e motos.

    Quem não sabe exercer seu direito sem ofender ou prejudicar o direito dos demais, não sabe nada de cidadania, civilidade e democracia!!!

  6. Boa Tarde… Ontem pude vivenciar mais um importante dia para a democracia e participação popular, diversa e complexa na sua multiplicidade… Cumprimos mais uma missão “exitosa” a meu ver, pois, resistimos aos problemas calados e parar a ponte foi dizer que o povo quando se une fala alto e incomoda os surdos, mudos e cegos, mesmo que a pauta central do movimento não tenha sido a ilha, e sim as questões inerentes ao transporte, a ilha acabou se tornando símbolo, pois, no imaginário das pessoas vive a importância da ilha, assim como, de saúde, educação, moradia, geração de emprego, renda, transporte e se alargam os problemas e a degradação humana fruto das ausências de políticas publicas que funcionem, o que é um paradoxo num país e região em que ecoam as oportunidades, vindo gente de muitas nações investir no Vale do São Francisco e explorar a mão de obra local, sem que, os governos dêem os subsídios, necessários a manutenção da vida com dignidade. Víamos ontem um misto de gerações, a diversidade de semblantes, e pessoas, buscando entender e expressar suas angustias, pessoas cantando e tocando, conversando, lendo, descansando, e até mesmo nos atos reprimidos pelo exercito, e a maioria dos manifestantes, representam as questões pelas quais o movimento se propôs a lutar. A força repressora do estado estava La na defesa, num jogo simbólico, por que também, entende seu papel e suas deficiências, como foi o caso da policia Federal e do exercito que buscou conter os ânimos dos manifestantes que se exaltavam. Havia uma interação e objetivos comuns entre a policia e os manifestantes, todos cidadãos, quando da detenção de uma pessoa que ali estava aérea, e que mostrou o caráter pacífico do movimento, pois, não foi a ação da Policia nem do Exercito foram os próprios Manifestantes que desaprovavam as ações imprudentes e indicavam os que ali não poderiam permanecer com tais atitudes, num exercício de poder dos dois lados, negociávamos a retirada, reconhecendo, a sensibilidade dos envolvidos e a compaixão humana pela nossa causa, que é de todos cidadãos do vale do São Francisco! Afinal, lutamos por melhorias para beneficio de todos e todas… As 2h da manhã, após 10 horas na ponte, todos refletindo e certos que a luta deve continuar. Retornamos para nossas casas, certos do dever cumprido e da necessidade de continuar… Ficou nítido os ecos da necessidade de melhorias gerais. Batemos em retirada, pois, entendemos que as conquistas serão para toda a sociedade, que lutamos por quem não tem voz, por quem nem sabe de seus direitos, e lutamos para sensibilizar os corruptos e lembrá-los de que estamos de olho em tudo, e vamos permanecer vigilantes do que seja público e comum. E a luta deve continuar como sempre, onde jovens, mulheres, crianças, idosos, cadeirantes e todos que sempre estarão presente. ‎#OVALEacordou é um movimento integro e digno do respaldo e respeito da sociedade, pois é para a melhoria dessa comunidade pacifica e ordeira que Lutamos mesmo indo na contra mão dos que esperam os poderes constituídos, que vão fazer de tudo para tira a legitimidade da luta pelo reconhecimento de seus direitos, assim como, priva a população de muitos outros….
    Att: Tiago Carvalho e finalizo dizendo; É por mais justiça, igualdade social e geração de oportunidades para o jovem, para o trabalhador, para os ajustes de toda a comunidade que anseia e trabalha para colaborar por um Vale do São Francisco mais equilibrado, prospero e pacifico… https://www.facebook.com/photo.php?fbid=4782377652365&set=gm.617706641582540&type=1&theater

    • Aposto que os anencéfalos que comentam leseiras aqui, nem leram esse maravilhoso texto até o fim. E depois se acham no dever moral de tecer criticas infundadas, como as de Geraldo Santos e Joelma, dos quais NUNCA lí mais abobrinha.

  7. Na minha opinião esses protestos deveriam ser feitos nas portas das prefeituras ou da Câmara de vereadores e não na ponte, onde, diante da paralisação,os mais prejudicados foram os cidadãos comuns que trabalham, estudas, tem suas famílias. Se eh pra chamar atenção, teria o mesmo efeito se fossem feitos nesses lugares, que além de tudo teria apoio total da população e com certeza a presença de alguma autoridade para dar as respostas que queremos. Pensem nisso!!

  8. O movimento tem os seus focos, mais acima de tudo é democratico, assim como tem pessoas protestando contra a saude, corrupção, etc, tem pessoas que querem a ilha de volta! E essa é uma luta justa, se la havia maconheiros n podemos generalizar, é simples, basta os prefeitos das duas cidades colocarem fiscalizações na area! Pronto, problema resolvido! Eu estava la e as pessoas que estavam vandalizando a ilha não queriam a abertura da ilha, acredito que nem sabiam o que queriam alem de vandalizar. É importante dizer que os proprios membros do movimento da ilha do fogo que la estavam, a todo momento tentavam convencer os vandalos a pararem com o ato, inclusive, muitos ao tentarem ir la foram ameaçados pelos vandalos e outros acabaram levando bala de borracha. Era impossivel e perigoso tentar fazer com que essas pessoas parecem com o vandalismo! É injusto que o movimento que pede a liberação da ilha do fogo levem a culpa desses atos, temos que ser corretos, as pessoas que estavam jogando rojões, dando chutes no portão e tudo mais, não passavam de vandalos que so foram la para isso.

  9. Quanto ao fato de se juntarem a pessoas que reivindicam pela ILHA DO FOGO é está em contado com vândalos??… é de se discordar pois nem todas a pessoas que alí visitavam não eram infratores! É por conta dessas pessoas que o Brasil não vai para frente, pessoas pequenas, sem informação!

  10. A MAIORIAS DAS PESSOAS ESÁVAM REIVINDECANDO POR MELHORIA NOS TRANSPOTES URBANOS E MUITAS OUTRAS REIVIDICAÇÕES COMO OS PREÇOS DAS PASSAGENS EU E MEUS COLEGAS ESTAVAMOS REIVINDICANDO O PAGAMENTO DA EMPRESAS VALE DO SOL E MENINA MORENA QUE NEM SE QUER PAGOU A RECISÃO IMAGINE OS OUTROS DIREITOS COMO HORAS EXTRAS E FGTS ESTAMOS DEPENDO DA JUSTIÇA JÁ FAZEM 8 MESES SEM VER A COR DO DINHEIRO.

  11. IMPORTANTE (Recado ao movimento)

    Caros amigos, assim como vocês sou cidadão,eleitor,trabalhador…uso serviços públicos , moro em bairro periférico…
    -Apoio sim o movimento , mas infelizmente acho que falta uma mente mais experiente para chegarmos em algum resultado.

    – Temos que conquistar a população em massa para protestar, pois ninguém está satisfeito com o abandono dos serviços públicos em Petrolina e Juazeiro , bairros abandonados sem pavimentação ou ela toda esburacada (ex: Ipiranga -Juazeiro) , postos de saúde sem médicos , escolas sem recursos…etc….

    – Temos que ir nos bairros e convocar a população , e gritar para eles que quem não estiver satisfeito e querer melhorias vem pra rua , vamos lutar juntos , pois a UNIÃO EM MASSA FAZ A VITÓRIA.!

    Sou Funcionário Público Federal , Mas tenho certeza que enquanto ficarmos calados , os prefeitos e outros políticos de nossa região vão superfaturar obras , Superfaturar Shows , e sempre através da corrupção desviar as verbas para seus próprios deleites…

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome