Em Exu, juiz acata liminar e proíbe imagem de ex-prefeito Léo Saraiva em campanha majoritária

1
Léo Saraiva, ex-prefeito de Exu. (Foto: Reprodução YouTube)

Em Exu, (PE), no Sertão do Araripe, o juiz eleitoral Caio Souza Pitta Lima concedeu medida liminar pleiteada pelo advogado Nasário Duarte Bento, que defende os interesses dos candidatos a prefeito e vice, respectivamente João Victor Bento (Republicanos) e Dr.Ulisses (MDB), e mandou retirar da propaganda eleitoral dos adversários, Raimundinho Saraiva (PSB) e Tiquinho do PT, toda a publicidade que contenha o uso da imagem e do nome do ex-prefeito Léo Saraiva. O prazo para que a coligação dos dois cumpra a determinação encerra-se neste domingo (18).

O prefeito e candidato à reeleição  vinha usando a imagem de Léo Saraiva para promover sua candidatura, inclusive utilizando as redes sociais para tentar usar a emoção e o sentimento de tristeza pela morte de Léo (em julho deste ano) a favor de sua candidatura. O apelo emotivo era tão grande que nas redes sociais do prefeito havia vídeos com imagem do velório, homenagens fúnebres e familiares do prefeito externando sua emoção pela perda do líder político.

O juiz determinou a aplicação de multa diária e configuração do crime de desobediência eleitoral, e que seja recolhido e retirado do ar todo o material publicitário já existente com o referido teor. “Outrossim, com arrimo no artigo 2°, parágrafo 4° da Resolução n° 23.610/2019 do TSE, aplico multa na importância de R$ 5.000,00 para a Rádio Acauã, em razão da prática das condutas vedadas no art. 43, incisos III e IV da Lei de Eleições”, afirmou.

Raimundinho Saraiva terá agora de mudar a estratégia eleitoral e usar sua própria imagem para disputar a eleição com João Victor, que vem prometendo promover uma grande mudança no município, caso seja eleito.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome