Efeito dominó: Hoffmann segue Gaturiano e Ruy Wanderley, e confirma que recusará reajuste na cota de combustível

por Carlos Britto // 02 de julho de 2021 às 09:41

Foto: divulgação

O vereador Diogo Hoffman (PSC) seguiu o mesmo caminho dos colegas governistas Gaturiano Cigano (DEM) e Ruy Wanderley (PSC) e também está desistindo dos 50% de reajuste na cota do combustível para os veículos dos vereadores, aprovado semana passada pela Câmara de Petrolina.

Numa nota enviada à imprensa, Hoffmann justificou ter votado favorável ao projeto em solidariedade a alguns dos seus colegas que residem na zona rural e tem atuação nessa região. No entanto, o vereador reforça que a atual cota de R$ 2 mil é suficiente para ele.

Confiram a nota na íntegra:

Na sessão plenária do dia 22/06, foi aprovada a cota adicional de combustível aos Vereadores de Petrolina. Nosso voto favorável ao projeto ocorreu em solidariedade à alguns colegas que moram e possuem atuação na zona rural do município.

Para mim, a cota atual de combustível tem sido suficiente, posto que resido na zona urbana e que meus deslocamentos para o interior são sempre programados. Por isso, apresentei na manhã de hoje ofício ao gabinete do Presidente da Câmara informando que não tenho interesse em utilizar o adicional aprovado.

Diogo Hoffman/Vereador

Efeito dominó: Hoffmann segue Gaturiano e Ruy Wanderley, e confirma que recusará reajuste na cota de combustível

  1. Francisco disse:

    Sinceramente, só soube que havia esse vereador em Petrolina, quando saiu a lista de eleitos e agora com o arrependimento motivado pelo Blog, isso mostra que essa turma nada tem a apresentar à cidade, sendo certo que não precisamos de marajás, precisamos é de vereadores atuantes, palavra que não se conhece no casebre de leis. A verdade é a seguinte: se ninguém tivesse feito nada, seguiriam caladinhos. Essas aves de rapina gostam mesmo é de comer a carne do povo. Ou o povo começa a gosta de política, como gosta de novela, futebol e carnaval ou políticos parasitas continuaram fazem a festa.

  2. Thiaro disse:

    Com a palavra pe de galo

  3. Crítico disse:

    Quero ver abrir mal da cota toda e do salário e trabalhar em prol da população de graça. QUERO VER.

  4. Crítico disse:

    Quero ver abrir mão da cota toda e do salário e trabalhar em prol da população de graça. QUERO VER.

  5. FABIO JUNIOR disse:

    Essa recusa é mais um atestado de mediocridade desses vereadores, da para confiar em quem muda de opinião somente para tentar agradar?, essa recusa é pior que ter votado a favor, se não houvesse toda essa repercussão, eles teriam aceitado e ainda lutariam por mais, como um deles afirmou…meros medíocres.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *