É guerra: Teresa Leitão entra com liminar contra André de Paula por causa de Lula

por Carlos Britto // 01 de setembro de 2022 às 16:31

Foto: Milena Ferreira/divulgação

O Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) concedeu parcialmente uma liminar solicitada pela candidata ao Senado pela Frente Popular de Pernambuco, Teresa Leitão (PT/foto), contra o candidato a senador André de Paula (PSD). A decisão avaliou como indevidas as sugestões de apoio do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) ao candidato a senador do PSD na propaganda eleitoral de rádio e TV.

Teresa Leitão alegou o uso indevido da imagem do ex-presidente Lula no guia eleitoral de rádio e TV do concorrente, citando que o PSD não compõe a coligação nacional Brasil da Esperança, que tem o ex-presidente como candidato à Presidência. Afirma, também, que no âmbito estadual, a ata da convenção do PSD não menciona apoio a Lula.

O desembargador eleitoral auxiliar Rogério Fialho decidiu pela retirada do trecho da propaganda na TV e rádio em que André de Paula sugere que o ex-presidente é apoiador de sua candidatura pela coligação ‘Pernambuco na Veia’ (Solidariedade/PSD/Avante/Agir/Pros). Em caso de descumprimento, será cobrada multa diária de R$ 1 mil, de forma individual, sob pena de aplicação do art. 347 do Código Eleitoral – crime de desobediência à ordem judicial.

Além do pedido de retirada da imagem na TV, também foi solicitada a retirada da voz do ex-presidente nas propagandas do PSD no rádio. O juiz, porém, indeferiu este pedido, justificando que o direito à imagem e do uso da voz é personalíssimo, de modo que apenas o titular que teve sua voz indevidamente veiculada poderá se opor a essa divulgação.

É guerra: Teresa Leitão entra com liminar contra André de Paula por causa de Lula

  1. Paulo disse:

    Olha o nível desses candidatos brigando por o maior ladrão desse país imagine essa leitão e esse André, o que eles são

  2. Mislene Correia disse:

    E começou o BANG BANG…..
    Que rufem os tambores

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.