Dois feridos em confusão no Conjunto Penal de Juazeiro

por Carlos Britto // 28 de janeiro de 2009 às 16:00

Dois internos do Conjunto Penal de Juazeiro ficaram feridos durante uma briga no interior da unidade. A confusão aconteceu na tarde de segunda-feira e teria sido motivada por uma disputa pela liderança das alas da unidade. Jonas Magalhâes, acusado de chefiar um grupo de extermínio em Juazeiro, e o sobrinho dele, Antonio Edvanio Pinheiro, foram agredidos por outros presos.

Fontes informaram a reportagem que pelo menos 30 presos teriam participado das agressões a Jonas e o sobrinho. Jonas atua como “xerife” (preso responsável pelo fechamento e abertura das celas) na unidade.

Depois da desativação da Casa de Detenção Capitão PM José Ivan da Silva, após rebelião em agosto do ano passado, o Conjunto Penal passou a servir como unidade de custódia. 

De acordo com dados da Superintendência de Assuntos Penais (SAP), vinculada a Secretaria da Justiça, Cidadania e Direitos Humanos, até o dia 26 de janeiro, havia 451 pessoa mantidas no conjunto penal- 183 presos além da capacidade.

Fonte: Gazzeta do São Francisco

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.