Diante de polêmica, oposição vence eleição para Mesa Diretora da Câmara de Orocó

0
Nova mesa diretora da Câmara de Orocó. (Foto: Orocó News)

O vereador de oposição Patrício do Projeto (PDT) é o novo presidente do Poder Legislativo de Orocó (PE), no Sertão do São Francisco. A eleição da Mesa Diretora, que é válida para o o biênio 2019/2020, foi realizada na sexta-feira (14). A chapa votada tem com vice Valkiria Amando (PR) – atual presidente – e o secretário Ismael Lyra (PSD).

Antes da votação, porém, houve atrito entre governistas e oposicionistas. O prazo para registros de candidaturas se encerrou na última terça-feira (13), 72 horas antes da eleição, conforme prevê o Regimento Interno da casa. Foram registradas as seguintes candidaturas: João de Demar (PP); Thiago Vasconcelos (PT); Patrício do Projeto (PDT) e Marcos Vasconcelos (PSL), todos para o cargo de presidente. Ismael Lyra (PSD) foi o único que registrou candidatura para secretário. Já para o cargo de vice-presidente foram registradas duas candidaturas: Valkiria Amando (PR) e Ighor Crateú (PDT).

Os governistas chegaram à sessão prontos para vencer e, de comum acordo ,com apenas uma candidatura, desistiram de concorrer ao cargo de presidente os vereadores Marcos Vasconcelos e Thiago Vasconcelos – ficando apenas a candidatura de João de Demar como representante do bloco governista. Aí se deu ínicio a uma série de debates entre os dois lados e foram feitas várias acusações. A oposição pediu que a presidente desconsiderasse as candidaturas de João de Demar para presidente e de Ighor Crateú para vice, sob a alegação de que os pedidos de registros de candidaturas descumpria resolução interna do ano de 2008. Segundo os vereadores da oposição, só deveriam ser aceitos pedidos de registros da chapa completa, e não de candidaturas individuais.

Os governistas não aceitaram as argumentações da oposição, preferiram não participar do processo eleitoral e se retiraram da sessão. A oposição, por sua vez, deu sequência à eleição e votou na chapa liderada pelo vereador Patrício do Projeto, tendo com vice Valkiria e o secretário Ismael Lyra. Os governistas saíram prontos para entrar na justiça com o pedido de anulação da eleição. Todos estavam bastante indignados como tudo foi conduzido. Já a oposição comemorava o resultado. (Fonte: Didi Galvão)

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome