Desportistas de Petrolina lamentam morte de atleta que passou pela Fera Sertaneja

por Carlos Britto // 10 de janeiro de 2013 às 06:40

maranhao_593x450Os desportistas de Petrolina ainda lamentam a morte do meia Neto Maranhão, ocorrida na manhã de ontem (9), após sofrer uma parada cardiorrespiratória durante treinamento realizado em um hotel de Mossoró (RN).

Segundo informações do portal de esportes Globo.com, o jogador foi levado para o Hospital Tarcísio Maia, mas não recebeu o atendimento adequado e faleceu a caminho do Hospital Wilson Rosado, para onde seria transferido.

Neto Maranhão, 28 anos, era um dos principais reforços do Potiguar para o Campeonato Estadual 2013. O jogador tem passagens por Treze, Corinthians-RN, Santa Cruz, Monte Azul, Campinense, Salgueiro, América-MG e Maranhão (este último sendo campeão maranhense em 2007). Em Petrolina, ele atuou pela Fera Sertaneja.

Roque Alves de Lima Neto, o Neto Maranhão, nasceu no dia 18 de janeiro de 1984, na cidade de São Domingos, no Maranhão. O corpo de Neto Maranhão será liberado na tarde desta quarta-feira e seguirá para Fortaleza, de onde será levado para a sua terra natal. O enterro ainda não tem data confirmada. (Foto/reprodução)

Desportistas de Petrolina lamentam morte de atleta que passou pela Fera Sertaneja

  1. PETROLINENSE disse:

    Um dos grandes jogadores que passaram pelo petrolina, apesar de fazer um pouco de tempo que ele jogou aqui, mais quando o jogador é bom o torcedor não esquece e ele era um meia de campo que jogava com cabeça erguida, cobrava a maioria das faltas do Petrolina e deu muitas alegrias ao torcedor da Fera com gols e assistências. Obrigado Neto Maranhão.

    1. Anônimo disse:

      Concordo com tudo que falou o Petrolinense sobre Neto Maranhão. O vi jogar algumas vezes e chega dava gosto de ver; lembrava jogadores como Falcão, Rivaldo e Raí, jogando porque sabia e com elegância. Lembro do jogo contra o Sport com o time completo, campeão da copa do Brasil e ele matou a pau, tanto que o juiz, pra favorecer o Sport, tirou de campo injustamente. Descanse em paz, meu irmão. Que Deus o abençoe.

    2. João Leonam disse:

      Petrolinense sobre Neto Maranhão. O vi jogar algumas vezes e chega dava gosto de ver; lembrava jogadores como Falcão, Rivaldo e Raí, jogando porque sabia e com elegância. Lembro do jogo contra o Sport com o time completo, campeão da copa do Brasil e ele matou a pau, tanto que o juiz, pra favorecer o Sport, tirou de campo injustamente. Descanse em paz, meu irmão. Que Deus o abençoe.

  2. João Leonam disse:

    Concordo plenamente com o Petrolinense sobre Neto Maranhão. O vi jogar algumas vezes e chega dava gosto de ver; lembrava jogadores como Falcão, Rivaldo e Raí, jogando porque sabia e com elegância. Lembro do jogo contra o Sport com o time completo, campeão da copa do Brasil e ele matou a pau, tanto que o juiz, pra favorecer o Sport, tirou-o de campo injustamente. Descanse em paz, meu irmão. Que Deus o abençoe.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Últimos Comentários

  1. Foto historica, de pessoas que contribuiram enormimente para o progresso da nossa regiao.