Desativada há anos, antiga caixa d’água de Petrolina vira incógnita

por Carlos Britto // 02 de janeiro de 2023 às 09:33

Quando foi construída, há mais de 40 anos, a antiga caixa d’água central de Petrolina chamava atenção da população à época pela sua estrutura. Isso até que a atual caixa d’água, localizada na Avenida Presidente Tancredo Neves, não fosse concluída na década de 80 pela Compesa.

Hoje o antigo equipamento, que fica na Avenida Souza Filho, mais parece um ‘elefante branco’ em pleno Centro da cidade. Algumas especulações já foram levantadas sobre seu destino, mas por enquanto o reservatório desativado permanece de pé.

Desativada há anos, antiga caixa d’água de Petrolina vira incógnita

  1. a verdade disse:

    Poderia ser demolida, o terreno ser vendido e dar lugar a uma loja comercial, ajudando a ampliar a área comercial do centro e gerando empregos e oportunidades.

  2. Ana lucia disse:

    Discordo, demolir é apagar a história da nossa cidade onde os governos destroem e não ligam em promover a cultura e preservar as estruturas físicas desses prédios antigos.

  3. Jmidia disse:

    Ana Lucia concordo com você em preservar os monumentos históricos do município mas essa coitada aí não vai fazer falta, nem para cumprir sua função ela serviu. Conte aí uma história desse patinho feio…

  4. Wiston disse:

    O mais sensato é fazer uma reforma e transformá-la em um museu ou memorial. Poucas coisas antigas e relevantes foram preservadas em nossa cidade. Um povo sem memória é um povo sem raiz, sem referência, sem pai e sem mãe.

  5. Wiston disse:

    Desde quando o fornecimento de água não é essencial?

  6. Helena Dantas da Silva disse:

    Concordo e manter a história,basta apenas criatividade para retomar seu uso para outros fins.

  7. Aglailson f Macedo disse:

    Essa Caixa ainda funciona.

  8. Klebison dos Santos disse:

    Tenho a história como forma de vida e levo a vida na compostura do valor de cada fato e ou monumento que marcaram uma época e que ainda sinalizam na mente daqueles que viveram tal momento.
    Um monumento demolido é uma história desfeita, é uma mente demente, é um corpo desfeito, é um desvalor de tudo que foi empregado.

  9. João Vianei Alves de Carvalho disse:

    Eu passava por está caixa d’água, por volta de 1968. Era realmente um prédio solitário, por conta do descampado da Petrolina da época.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.