Deputado Fernando Filho forma alianças e prestigia filiações ao PSB

por Carlos Britto // 12 de março de 2024 às 06:20

Foto: Ascom

Nesta segunda-feira (11), o deputado Fernando Filho (União Brasil) esteve presente no ato de filiação de várias lideranças políticas do interior de Pernambuco ao Partido Socialista Brasileiro (PSB). O evento ocorreu no Recife e contou com a presença do presidente estadual do PSB, Sileno Guedes, e do deputado federal Pedro Campos.

Dentre os novos membros do PSB estão o pré-candidato a prefeito e atual vice-prefeito de Itacuruba, Júnior Cantarelli, e os pré-candidatos a prefeito de Exu, Genaro; Carpina, Joaquim Lampa; e Lagoa de Itaenga, Carlinhos do Moinho. Candidatos a vereadores também foram filiados.

Fernando Filho destacou a importância da filiação das diversas lideranças políticas. “Este é um momento de extrema relevância para o fortalecimento da nossa região e do nosso Estado como um todo. Ver tantas lideranças comprometidas com um projeto coletivo nos enche de esperança e nos motiva a trabalhar ainda mais pelo bem de Pernambuco”, disse.

Ele concluiu enfatizando que esses novos membros serão fundamentais para o desenvolvimento e progresso de Pernambuco. Afirmou ainda que esses serão os candidatos do grupo, que inclui Miguel Coelho, Antonio Coelho, Sileno Guedes, Pedro Campos e João Campos. Juntos, eles trabalharão para promover o desenvolvimento de Pernambuco.

Deputado Fernando Filho forma alianças e prestigia filiações ao PSB

  1. Araujo disse:

    E muito difícil de entender, esse grupo que hoje defende filiações do PSB, na eleição passada para governador e deputados, eram todos oposição ferrenha, ninguém prestava no PSB, diziam que foi esse partido que ao longo dos anos atrasou o desenvolvimento de Pernambuco, e agora estão tudo no mesmo saco, fazendo os seus eleitores de idiotas
    Devemos abri os nossos olhos enquanto é tempo

  2. Antônio Marreco disse:

    Balaio de gato. Viraram de esquerda esses bolsonaristas. O que esperar agora? Assumirão algum ministério no governo do PT. Somente esperar as próximas movimentações do grupo. Como são sem identidades politicas, o que conta é o governo da hora.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Últimos Comentários

  1. Srs leitores e, redatores deste conceituado meio de comunicação. Aproveitando para parabenizar, pela matéria postada, pois, é história e é…