De volta à Educação de Petrolina, secretário Plínio Amorim tem missão de superar bons resultados do setor

0
Foto: Jonas Santos/PMP divulgação

De volta à Secretaria de Educação, Cultura e Esportes de Petrolina, Plínio Amorim terá a missão de implementar as metas e prioridades para o setor na segunda gestão do prefeito Miguel Coelho. Na terceira gestão de Fernando Bezerra Coelho (2005/06) e na de Odacy Amorim (2007/08), ele esteve à frente da pasta e conseguiu resultados elogiosos. Agora, Plínio tem a responsabilidade superar os bons resultados já alcançados nos primeiros quatro anos de Miguel. Isso será possível graças à ampliação da rede municipal de ensino e de uma série de ações de fortalecimento pedagógico.

Além de novas obras, o ano de 2021 também reserva um importante desafio para o campo do ensino: o início do ano letivo diante da pandemia da Covid-19. Para garantir que a retomada das atividades aconteça de forma segura para os estudantes, profissionais da educação e familiares, a Secretaria de Educação, Cultura e Esportes está adotando uma série de medidas. Todas as decisões serão tomadas ouvindo as recomendações dos órgãos reguladores e das organizações sanitárias, como explica o novo secretário municipal de Educação, Plínio Amorim.

Estamos em contato permanente com as demais redes de ensino e instituições de saúde para preservar a segurança de alunos e profissionais da educação, pois a busca por uma qualidade superior, expressa pela melhor aprendizagem dos nossos estudantes, será sempre o nosso foco”, pontua.

‘Petrolina Educa Mais’

O programa de governo no segundo mandato de Miguel prevê novas ações para educação através do ‘Petrolina Educa Mais’ – conjunto de iniciativas que visam a ampliar o campo da educação, beneficiando quase 55 mil estudantes matriculados na rede municipal de ensino. Já estão previstas a implantação de 15 escolas em tempo integral para os próximos quatro anos, 6 novas creches, 6 novas escolas e implantação de 4 bibliotecas públicas (duas na zona urbana e duas na zona rural), climatização da rede de ensino para reforçar a educação e criação do arquivo público.

DEIXE UMA RESPOSTA

Comentar
Seu nome