Corte de ponto será regulamentado esta quarta na Assembléia Legislativa

por Carlos Britto // 04 de março de 2009 às 11:00

O polêmico projeto do presidente da AL-BA, Marcelo Nilo (PSDB), de cortar o ponto dos deputados faltosos, será regulamentado esta quarta-feira (4). De acordo com a proposta aprovada, a justificativa será aceita apenas para os casos de doença, morte de parentes, compromissos parlamentares ou tarefas externas a serviço do mandato. Sobre a possibilidade de a navalha cortar a própria carne, o então tucano ironizou: “Isso foi uma brincadeira do Elmar Nascimento (PR), que ainda está com dor de cotovelo por ter perdido a eleição (para presidente da Casa)”. Nilo justifica que não se submeterá ao constrangimento em caso de ausência não justificada do parlamento, já que as presenças são marcadas no painel eletrônico e podem ser visualizadas por todos os presentes na Casa. “A sinalização é pública para o cara que faltar. Você acha que eu vou me expor a isso?  Se eu faltar a uma sessão deliberativa, eu mesmo corto o meu ponto”, ressaltou.

Fonte: Bahia Notícias

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *