Concurso público da Guarda Civil de Petrolina tem inscrições prorrogadas

por Carlos Britto // 20 de março de 2019 às 10:00

Guardas municipais de Petrolina. (Foto: Alieny Silva/Blog do Carlos Britto)

As inscrições para o concurso público da Guarda Civil Municipal (GCM) de Petrolina foram prorrogadas. Por decisão da Comissão Especial de Concurso Público, o período de inscrições agora seguirá até o dia 7 de abril. As inscrições podem ser realizadas exclusivamente pela internet no site do Instituto de Desenvolvimento Institucional Brasileiro (Idib): www.idib.org.br.

A taxa de inscrição é de R$ 125,00 e o boleto gerado deve ser pago até 24 horas após a emissão para a efetivação da inscrição. São 80 vagas, sendo 40 para ampla concorrência e 40 para formação de cadastro de reserva. Salvo as disposições relacionadas à prorrogação das inscrições, que foram atualizadas e publicadas em versão consolidada do edital, todas as demais permanecem inalteradas, ainda conforme o edital do concurso.

As provas estão previstas para acontecer no dia 5 de maio deste ano. O exame será realizado em duas etapas. A primeira terá cinco fases: prova objetiva, teste de aptidão física, avaliação psicológica, apresentação de exames médicos e investigação social. Todas de caráter eliminatório. A segunda fase, também eliminatória e classificatória, será composta por duas etapas: fase teórica do Curso de Formação Profissional e fase prática do Curso de Formação Profissional.

Para concorrer a uma das vagas, o candidato deve ter pelo menos o ensino médio completo e Carteira Nacional de Habilitação (CNH) nas categorias A e B. O trabalho terá regime de escalas em uma jornada de 180 horas mensais e a remuneração é de R$ 3.261,48. O concurso público tem validade de dois anos, prorrogável uma única vez por igual período, a contar da data de sua homologação.

Concurso público da Guarda Civil de Petrolina tem inscrições prorrogadas

  1. André Fernandes disse:

    Edital muito mal formulado em vários pontos.
    1 – Esse concurso apesar de ser para Guarda Civil Municipal (com todo o respeito que o cargo merece), cobra um teste físico muito além de concursos “top”, tais como Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal.
    2 – No teste físico o candidato só terá uma única chance para realizar o teste. Ou seja, caso haja qualquer incidente (exemplo: escorregão, queima na largada da corrida ou natação, etc) o candidato não terá uma segunda chance de realizar o TAF. Vale ressaltar que até em Olimpíadas os atletas tem essa segunda chance.
    3 – O conteúdo programático, principalmente na parte de trânsito, é tão somente um “copia e cola” do edital da Polícia Rodoviária Federal – da banca CESPE -, o que demonstra que houve uma falta de identidade da banca para com o seu estilo de conteúdo a ser cobrado.
    4 – Edital é para ser cumprido. Se foi estipulado que a data limite para as inscrições seria 17 de março, a não ser que haja uma causa superveniente e extraordinária que justifique a prorrogação, essa medida só demonstra o interesse da administração pública em conseguir mais dinheiro com as inscrições (R$ 125,00), que vale ressaltar, também extrapolam todos os concursos realizados nos últimos anos.

    1. Jocélio Lima disse:

      Camaradinha, é simples isso… não faça. Vai estudar e se preparar melhor, porque concurso público hoje em dia tá pau mesmo!

      1. André Fernandes disse:

        Caso você seja um “concurseiro”, precisa estudar mais interpretação de textos.
        Eu apenas dissertei sobre um tema, não afirmando em nenhum momento que iria ou não me submeter a esse concurso.

        1. Jocélio Lima disse:

          Vá caçar uma lavagem de roupa, então. Se o concurso não é de seu interesse, vá procurar um que seja. Deixe os que querem algo sério, com compromisso em paz, camaradinha.

          1. André Fernandes disse:

            Continua interpretando errado. tsc tsc

  2. CURSO DE SERRALHEIRO disse:

    Olá! Gosto muito de seus artigos, sempre com novidades para agradar as pessoas, parabéns.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.